icons.title signature.placeholder Felipe Bolguese
03/12/2013
08:30

O Corinthians virou o favorito para contar com o meia Éverton, do Atlético-PR, em 2014. O Furacão não exerceu a prioridade de compra de parte dos direitos do jogador, por US$ 2 milhões (R$ 4,7 milhões), e deve perdê-lo após o fim do contrato de empréstimo, em dezembro. Os direitos pertencem ao Tigres (MEX), que já sinalizou que vai liberá-lo novamente.

Éverton ficou empolgado com o interesse do Corinthians e manifestou o desejo de trocar de clube no próximo ano. Carlos Leite, seu empresário, que tem boa relação com a diretoria alvinegra, deu boas perspectivas para o negócio, caso o Atlético-PR não decidisse comprá-lo.

O jogador de 24 anos, que teve passagem por Flamengo e Botafogo, foi observado pela diretoria durante o Campeonato Brasileiro. Mesmo com a chance de disputar a Libertadores pelo Furacão no próximo ano, o Timão tem otimismo na negociação.

Nos últimos dias, em reunião com Mano Menezes, futuro treinador, o clube ouviu que ele interessava. No novo planejamento, ele é um nome considerado praticamente certo.

Éverton seria um dos representantes da renovação do elenco que a diretoria quer implementar em 2014. Danilo, por exemplo, já tem idade avançada e não terá renovado o contrato que acaba em julho.

Reuniões da diretoria
O presidente Mário Gobbi Filho quer intensificar as reuniões com a diretoria para apressar o planejamento da próxima temporada. O fato de Mano Menezes ainda não ter efetivamente assumido o cargo atrapalha, mas encontros e conversas por telefone são constantes.

Marcelo é outro alvo da diretoria

O meia Éverton não foi o único jogador do Atlético-PR por quem o Corinthians se interessou no Brasileirão. O atacante Marcelo Cirino, eleito como a revelação do campeonato pela CBF, é alvo para 2014.

O jogador do Furacão já foi procurado pelo Timão, mas neste caso a concorrência é grande. Clubes do Brasil e do exterior também demonstraram interesse. O presidente do clube, Mário Celso Petraglia, tem afirmado que só pretende negociá-lo para clubes de fora. Caso o Atlético-PR se classifique para a Libertadores do ano que vem, a ideia é mantê-lo até o meio do próximo ano.

Como revelou a coluna “De Prima“ no dia 29 de novembro, o Corinthians já entrou em contato com o Atlético-PR e se assustou com os valores.

Marcelo, de apenas 21 anos, é uma das revelações das categorias de base do Furacão. Ele chegou a ser emprestado ao Vitória em 2011, ainda na base, mas voltou ao clube e começou a virar um dos destaques.