icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
21/11/2013
12:28

A edição mexicana da revista Forbes, especializada em negócios e economia, elegeu o Corinthians como o clube mais valioso das Américas. A construção da Arena no bairro de Itaquera agregou valor ao Timão que, segundo a publicação, tem um patrimônio equivalente a US$ 584,7 milhões (cerca de R$ 1,3 bilhão).

A revista leva em conta o dinheiro arrecadado com direitos de televisão, o estádio que será palco da abertura da Copa do Mundo de 2014, preço dos direitos econômicos dos jogadores que compõem o atual elenco, além do valor da marca.

A Forbes mexicana põe ainda o Chivas Guadalajara, do seu país, na segunda posição com US$ 328,1 milhões. São Paulo (US$ 260,9 milhões), Monterrey, outro clube mexicano (US$ 248,9 milhões) e o Internacional (US$ 233,9 milhões) completam a lista dos cinco primeiros colocados.

O Los Angeles Galaxy, o mais poderoso da liga norte-americana de futebol (MLS), aparece na sexta posição. América do México (7º), Santos Laguna (8º), Boca Juniors (9º) e Flamengo (10º) completam a relação dos dez clubes mais valiosos fora da Europa.

Em abril, o Corinthians já havia aparecido na relação dos clubes mais valiosos da edição norte-americana da Forbes. O valor estipulado foi de US$ 358 milhões, na 16ª colocação.