icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
24/07/2014
12:49

Na manhã desta quinta-feira, o presidente do Corinthians, Mario Gobbi, entrou em contato com o gabinete do governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, para tentar encontrar uma solução para a questão do transporte nos jogos na Arena Corinthians, às 22 horas. Uma reunião deve acontecer nas próximas horas.

Segundo o site oficial do clube, o Secretário de Planejamento e Desenvolvimento Regional do Estado de São Paulo, Júlio Semeghini, prontamente atendeu o pedido do presidente corintiano e se mostrou interessado em resolver a questão.

Na vitória da última quarta-feira, por 3 a 0,  diante do Bahia, o Metrô e a CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) não tiveram esquemas especiais e funcionaram no horário normal. As estações Corinthians -Itaquera e Arthur Alvim, da linha 3 - vermelha do Metrô, fecharam às 0h19 e 0h21, respectivamente. E por isso aqueles torcedores que dependiam do transporte público tiveram que deixar o estádio antes de o jogo acabar.

Portanto, uma reunião entre o governador Geraldo Alckimin, o secretário Júlio Semeghini, o Secretário dos Transportes Metropolitanos, Jurandir Fernandes, e o presidente do Corinthians deve acontecer dentro das próximas horas para que nos próximos jogos às 22h, na Arena, o problema já esteja resolvido.

Entretanto, ainda não há previsão de qual jogo será já que, na tabela do Campeonato Brasileiro, os horários dos confrontos só estão disponíveis até a 14ª rodada. Caso o Corinthians se classifique, possivelmente seja uma partida válida pela Copa do Brasil.