icons.title signature.placeholder Bruno Andrade
17/07/2014
12:41

A diretoria do Corinthians deverá receber nos próximos dias uma proposta da Inter de Milão (ITA) pelo atacante Alexandre Pato, hoje emprestado ao São Paulo. O Timão ainda não tem detalhes da oferta, que está sendo discutida por Gilmar Veloz, empresário do jogador.

Apesar do desejo de recuperar os 15 milhões de euros (R$ 40 milhões na época) investidos para tirar o atacante do Milan (ITA) no começo de 2013, os dirigentes corintianos já estão preparados para receber menos pela negociação com o clube italiano.

No atual contrato de empréstimo de Pato, válido até o fim de 2015, o São Paulo tem direito a 10% do valor de uma venda de 15 milhões de euros (ou superior). Se a oferta for menor, o Tricolor não é obrigado a liberá-lo, motivo que pode atrapalhar a saída do jogador. A cláusula, no entanto, cai para 10 milhões de euros (aproximadamente R$ 30 milhões) a partir de janeiro de 2015. Neste caso, o Timão não precisaria repassar nada ao rival.

Hoje, Pato é reserva no São Paulo. Com a recente contratação de Alan Kardec, ele perdeu ainda mais espaço na equipe titular. Já no Corinthians, o jogador nunca teve uma sequência positiva e foi riscado dos planos do técnico Mano Menezes.