icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
01/07/2014
18:30

A Copa no Brasil é um dos mundiais com a maior médias de gols em todas as edições do torneio. Devido ao futebol ofensivo apresentado pelas seleções, muitos jogos apresentam ao torcedor goleadas e viradas. Mas por enquanto o grande destaque da Copa são os goleiros. Keylor Navas, da Costa Rica, e Guillermo Ochoa, do México, são os maiores expoentes do bom futebol apresentado por suas seleções. Ambos os goleiros foram eleitos "man of the match" duas vezes nessa competição.

O melhor jogador em campo nas partidas da Copa do Mundo é escolhido pelos torcedores. São eleitos através do Twitter e do site oficial da Fifa, onde os torcedores votam no jogador mais decisivo na partida. Isso significa que os goleiros tem sido os principais responsáveis pelo bom desempenho de suas equipes. O grande destaque é o goleiro Keylor Navas, jogador do Levante na Espanha, que defendeu o último pênalti contra a Grécia nas oitavas e classificou a seleção da Costa Rica para a inédita quartas-de-final.

O mexicano Ochoa também ganhou dois troféus sendo eleito destaque do jogo. O primeiro devido a brilhante atuação contra o Brasil, parando Neymar em dois lances memoráveis. Já no jogo pelas oitavas-de-final contra a Holanda o goleiro, que estava desempregado antes do torneio, também salvou o México. Ochoa, mesmo eliminado, foi o principal jogador na partida. O arqueiro só não conseguiu deter o chute de Sneijder e o pênalti de Huntelaar ambos já no final do jogo.

Gianluigi Buffon foi outro goleiro eleito melhor em campo mesmo no jogo da eliminação contra o Uruguai. Além de Rais Mbolhi, da Argélia, que levou os alemães a loucura nas oitavas. O goleiro pegou tudo durante o jogo eliminatório, defendendo inclusive dois chutes frontais de Thomas Müller ainda na prorrogação. Enquanto isso, Tim Howard, arqueiro americano, fez belas defesas em todos os jogos da primeira fase. Ao ser eleito o destaque do jogo contra Portugal, Howard foi o principal responsável pela classificação, na medida em que a seleção dos Estados Unidos se classificaram em virtude do maior saldo de gols no grupo.

Em relação a nossa seleção Julio César se redimiu da eliminação canarinha em 2010. A fatídica saída do gol nas quartas contra a Holanda, já é passado depois das defesas milagrosas contra o Chile nas oitavas. O chute de Aránguiz no segundo tempo, quando o Chile dominava a partida, salvou a seleção brasileira da eliminação no tempo normal. E nas penalidades Julio César foi mais uma vez decisivo, ao defender as cobranças de Pinilla e Alexis Sánchez. Foi o goleiro o principal responsável pela classificação do Brasil.

O goleiro Vicent Enyeama foi o único goleiro a obter dois troféus numa só edição da Copa em 2010. Além disso foi o único arqueiro a ser eleito "man of the match" na Copa anterior, mas nessa Copa não foi bem, falhando feio no gol que classificou a França. O destaque para os goleiros está crescendo nessa Copa, até agora oito troféus já foram para os arqueiros salvadores. Somente Lionel Messi com quatro troféus, e James Rodriguez com três, foram eleitos mais vezes que Keylor Navas. A Copa dos gols também é o torneio dos grandes goleiros.