icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
07/07/2013
20:04

O coordenador técnico Milton Cruz comandou o São Paulo neste domingo, na derrota por 2 a 0 para o Santos, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. Durante o período em que Ney Franco esteve à frente do Tricolor, o atual treinador interino acredita que ficou um pouco mais distante da equipe.

- Eu estava no dia a dia ao lado do Ney Franco conversando. O auxiliar dele (Éder Bastos) fazia mais o trabalho e, com o Autuori, o Ricardo fazia mais. Como eu estou como coordenador, eu fico um pouco fora. É claro que se um dia sentir (que está sem espaço no clube), eu sou franco de falar com o Juvenal, mas não senti em nenhum momento isso - disse Milton Cruz, em entrevista coletiva após o San-São.

No comando do São Paulo, Ney Franco preferia delegar algumas funções. O seu auxiliar-técnico, Éder Bastos, comandava os treinamentos técnicos. Por conta disso, alguns jogadores do Tricolor reclamavam do sistema de trabalho do ex-comandante.

Autuori ou Muricy? Interino aprova os dois

Na única atividade aberta à imprensa após a demissão de Ney, Milton Cruz fez treinamentos diferentes dos apresentados até então. Participativo, comandou atividades técnicas, gesticulando bastante.

O São Paulo busca um novo treinador. Preferido pela torcida, Muricy Ramalho esbarra no alto salário e, mesmo sendo bem quisto por parte da diretoria, encontra rejeição no Tricolor. Com isso, Paulo Autuori ganha força.

Santos derruba São Paulo no Morumbi e sobe na tabela

O coordenador técnico Milton Cruz comandou o São Paulo neste domingo, na derrota por 2 a 0 para o Santos, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. Durante o período em que Ney Franco esteve à frente do Tricolor, o atual treinador interino acredita que ficou um pouco mais distante da equipe.

- Eu estava no dia a dia ao lado do Ney Franco conversando. O auxiliar dele (Éder Bastos) fazia mais o trabalho e, com o Autuori, o Ricardo fazia mais. Como eu estou como coordenador, eu fico um pouco fora. É claro que se um dia sentir (que está sem espaço no clube), eu sou franco de falar com o Juvenal, mas não senti em nenhum momento isso - disse Milton Cruz, em entrevista coletiva após o San-São.

No comando do São Paulo, Ney Franco preferia delegar algumas funções. O seu auxiliar-técnico, Éder Bastos, comandava os treinamentos técnicos. Por conta disso, alguns jogadores do Tricolor reclamavam do sistema de trabalho do ex-comandante.

Autuori ou Muricy? Interino aprova os dois

Na única atividade aberta à imprensa após a demissão de Ney, Milton Cruz fez treinamentos diferentes dos apresentados até então. Participativo, comandou atividades técnicas, gesticulando bastante.

O São Paulo busca um novo treinador. Preferido pela torcida, Muricy Ramalho esbarra no alto salário e, mesmo sendo bem quisto por parte da diretoria, encontra rejeição no Tricolor. Com isso, Paulo Autuori ganha força.

Santos derruba São Paulo no Morumbi e sobe na tabela