icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
01/03/2014
10:30

Carnaval é aquela época em que boleiros trocam as chuteiras por chinelos, bolas por pandeiros e camisetas por abadás? Pode até ser verdade para boa parte dos jogadores de futebol, mas o lateral-direito Fagner, do Corinthians, promete seguir caminho oposto, curtindo o feriado de um jeito bem mais caseiro.

Segundo o próprio atleta do Corinthians, ele pretende passar os dias de folga em casa, com a família. O camisa 35 ainda fez questão de destacar que não quer “se desligar completamente” dos compromissos que tem com o clube alvinegro.

– Esta folga será para relaxar com a família, esfriar um pouco a cabeça, mas não pode se desligar totalmente, tem de saber ficar focado também. Não sou contra (Carnaval), mas tenho um filho e uma esposa. Nesse Carnaval, vou ficar com a perna para cima – disse o lateral em entrevista concedida no CT Joaquim Grava.

“Focado” no Timão, Fagner aproveitou para falar sobre a pressão de vestir a camisa do clube do Parque São Jorge. De acordo com o jogador, é justamente a responsabilidade de jogar no Corinthians que pode mostrar “quem tem peito para aguentar”.

– É complicado falar de pressão. A responsabilidade de jogar no Corinthians é grande. Existe a pressão, passei por diversas coisas nesse sentido, mas a gente amadurece. É nessa hora que a gente vê quem é quem, quem tem peito para aguentar e disposição para enfrentar tudo isso – afirmou o corintiano, que chegou ao Timão no início deste ano e vem sendo titular no time de Mano Menezes desde as primeiras rodadas do Campeonato Paulista.