icons.title signature.placeholder LEONARDO PEREIRA
16/07/2014
16:23

A Copa do Mundo terminou no domingo, mas os argentinos ainda estão no Rio de Janeiro, local da final contra a Alemanha. Alguns torcedores, sem dinheiro para comprar uma passagem de volta, foram socorridos pelo Consulado Geral da Argentina na cidade. Muitos deles, também sem hospedagem, ficaram acampados no Terreirão do Samba e no Sambódromo.

Nesta quarta-feira, por exemplo, 84 hermanos foram repatriados (49 na manhã e 35 durante o final da tarde). Eles vão encarar mais de 40 horas de viagem da Cidade Maravilhosa à capital Buenos Aires.

- Estamos oferecendo ajuda desde segunda-feira. São pessoas que não têm como arcar com a passagem, então, estudamos cada caso e colocamos passagens rodoviárias à disposição - informou, ao LANCE!, Raul Ailan, cônsul adjunto da Argentina no Rio de Janeiro.

Além da passagem, os torcedores também recebem um kit alimentação no valor aproximado de R$ 20,00.

- Damos água e sanduíche para que eles se alimentem durante a viagem de volta - completou Ailan, que acredita numa demanda intensa nos próximos dias.

Segundo o Consulado, cerca de cem mil argentinos estiveram no Rio de Janeiro para acompanhar a derrota da seleção para a Alemanha por 1 a 0, na prrorrogação.