icons.title signature.placeholder Bruno Rodrigues
21/12/2013
14:48

Parceira do São Paulo no projeto de modernização do Morumbi, a construtora Andrade Gutierrez deu ao clube o mês de junho como prazo para que sejam fechados todos os shows da agenda de apresentações de 2014.

A empresa e o Tricolor pretendem iniciar as reformas da arena multiuso e da cobertura no ano que vem. Antes disso, será necessária a captação dos recursos para a total realização das obras no local.

Três apresentações já estão confirmadas para acontecer no Cícero Pompeu de Toledo na próxima temporada. No dia 22 de março, a banda norte-americana de heavy metal Metallica fará show no Morumbi. Em maio, nos dias 10 e 11, será a vez do grupo britânico de pop One Direction visitar o país e fazer a alegria de seus fãs brasileiros. Inicialmente, a boyband faria os shows no Alliaz Parque, casa do Palmeiras, mas o atraso e a falta de garantias da data de abertura do estádio fizeram com que a empresa de entretenimento Time 4 Fun (também responsável pelo Metallica) transferisse as apresentações.

Os três shows foram pagos à vista ao São Paulo. Por esse motivo, o clube fez um desconto e reduziu os valores que normalmente cobra de aluguel para cada evento. Em média, o Tricolor tem recebido cerca de R$ 1,5 milhão de renda para espetáculos desse porte.

O Morumbi já recebeu quase 150 shows desde que sediou o primeiro, em 1981. Na ocasião, a banda britânica de rock Queen, liderada por Freddie Mercury, tocou para quase 200 mil pessoas em dois dias.

Em 2013, se apresentaram no estádio o cantor norte-americano Jon Bon Jovi e a cantora norte-americana Beyoncé, que também cantou no local em 2010.