icons.title signature.placeholder Bruno Cassucci
30/07/2014
11:21

Santos e Londrina (PR), adversários desta quinta-feira, no Estádio do Café, pela terceira fase da Copa do Brasil, se enfrentaram poucas vezes na história, mas o Peixe pode chamar o clube paranaense de "freguês". Em nove confrontos, o Peixe venceu cinco, empatou três e perdeu apenas uma.

Jogando em Londrina, cidade que fica no norte do Paraná, o retrospecto é ainda melhor: quatro vitórias sobre o Tubarão e apenas um empate.

A única derrota alvinegra aconteceu no Pacaembu e causou revolta da torcida santista. Foi em 1978, quando foi batido por 2 a 1 e ficou fora das finais do Campeonato Brasileiro. Parte das 46 mil pessoas presentes no estádio se indgnou e protagonizou cenas violentas nas arquibancadas. Há relatos de que uma invasão ao gramado só foi contida pois Joãozinho diminuiu o placar no segundo tempo e alimentou as esperanças de empate ou até mesmo virada.

Houve também confusão em 1982, desta vez no Estádio do Café, quando torcedores do Londrina tentaram agredir os santistas que viajaram até o Paraná. Para não apanhar, os alvinegros correram e se refugiaram no vestiário do Peixe.

Não faz tempo que o Santos não joga em Londrina: ano passado o time enfretou o Figueirense no Estádio do Café e ganhou por 2 a 0.