icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
26/12/2013
19:56

Em coletiva de imprensa realizada na tarde desta quinta-feira para promover o UFC 168, que acontece neste sábado, em Las Vegas, Anderson Silva e Chris Weidman ficaram frente a frente na tradicional encarada pré-luta. Antes disso, ambos responderam as questões dos profissionais presentes e projetaram a revanche mais esperada dos últimos tempos.

Ao ser perguntado sobre "o peso que tirou das costas" ao perder o cinturão do Ultimate, fato apontado por ele mesmo após a derrota no UFC 162, Anderson relembrou os feitos de sua carreira e surpreendeu ao provocar o adversário anunciando que a pressão voltará em breve.

- Consegui fazer feitos aos quais foram gratificantes para mim e trouxeram todo esse peso para a minha carreira e minha vida. Estou contente por esse peso. Ele vai voltar de novo daqui a alguns dias. Estou preparado! - disparou Spider, arracando aplausos dos torcedores brasileiros presentes no evento.

Sobre o futuro, o ex-campeão dos médios fez suspense. Segundo Spider, o resultado da disputa de cinturão deste sábado influenciará em sua decisão de continuar ou não lutando MMA.

- Claro que vai influenciar na minha decisão (o resultado da luta). Tenho oito lutas no meu contrato. Enquanto eu tiver vontade, vou continuar fazendo o que amo. Se vou me aposentar ou não, não tem como dizer agora. Só o coração pode dizer - salientou o peso-médio, que ainda comentou seus sonhos no esporte que dificilmente serão executados:

- Eu queria muito lutar nas Olimpíadas, mas não tenho tempo hábil para isso. Teria de nascer de novo para fazer tudo o que gostaria. Não tenho tempo para tudo. Mamãe não quer, papai não gosta - brincou. 

Weidman e Spider mantiveram a distância na hora da encarada (FOTO: Reprodução)

Anderson ainda revelou uma conversa no telefone que teve após perder para Weidman, em julho passado. Depois de dizer ainda no octógono que deixaria o esporte, Spider foi para seu quarto e ligou para um de seus cinco filhos.

- Depois que saí da última luta, fui para o quarto, e pensei que era hora de parar, já deu... Mas, peguei o telefone, falei com meu filho. Ele disse: pai, faz o que tiver de ser feito. O que vai te fazer feliz é o que você gosta, então vai vai até o final... - contou.

Além da esperada revanche entre Chris Weidman e Anderson Silva, valendo o cinturão dos médios, o UFC 168 ainda contará com o reencontro de Ronda Rousey e Miesha Tate, pelo título peso-galo feminino. O evento será transmitido ao vivo pelo canal Combate, a partir das 21h30.

Confira as lutas do show:
Card principal
Chris Weidman x Anderson Silva
Ronda Rousey x Miesha Tate
Josh Barnett x Travis Browne
Jim Miller x Fabrício Morango
Dustin Poirier x Diego Brandão
Card preliminar
Chris Leben x Uriah Hall
Gleison Tibau x Michael Johnson
Dennis Siver x Manny Gamburyan
John Howard x Siyar Bahadurzada
William Patolino x Bobby Voelker
Robbie Peralta x Estevan Payan