icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
14/12/2013
14:48

O que Cacá Bueno, Ricardo Zonta Allam Khodair e Sergio Jimenez têm em comum? Afinal, apenas o primeiro ainda luta pelo título da temporada na Stock Car. Bom, assim como acontece com boa parte dos pilotos, eles não tiveram apenas o campeonato nacional como desafio em 2013. Se neste domingo em Interlagos eles entram na pista como rivais na Corrida do Milhão, durante o ano eles foram companheiros durante o Mundial de Gran Turismo .

Bueno formou dupla com Khodair e Zonta atuou ao lado de Jimenez durante a temporada na categoria Pro. Em seis rodadas dupla na temporada, com 12 corridas, o time brasileiro da BMW não venceu. Mesmo assim, terminou a competição entre os construtores na terceira colocação, com 100 pontos. O título ficou com o time belga da Audi, com 179.

Já na classificação por pilotos, Bueno e Khodair ficaram no décimo lugar. Jimenez veio logo em seguida, em 11º, com Zonta na 15ª posição.

Agora, o foco total está na Stock Car. E apesar da amizade, dentro da pista de Interlagos não vai ter moleza para ninguém.

- Não seria nem ético trocar informação na Stock! Para evitar qualquer problema eu até tento falar sobre outros assuntos. Quando estamos lá na Europa eu até evito falar sobre Stock - afirmou Bueno.

- Temos de separar as coisas né? O que acontece na GT fica na GT. Aqui, a gente se cruza pelo paddock, conversa, troca experiências sobre o carro. Mas o segredo mesmo ninguém conta. Na pista, quando corremos juntos, somos parceiros. Quando estamos um contra o outro, é adversário. A gente se respeita. E respeitar é justamente tratar como competidor e ir para cima - avaliou Khodair.

Enquanto Bueno ocupa a quarta colocação na competição nacional e ainda sonha com o título, a preocupação dos outros três pilotos neste domingo em Interlagos vai ser mesmo vencer a corrida e conquistar o prêmio de R$ 1 milhão. Isso porque, Jimenez está na sétima colocação no campeonato, com Zonta, em décimo e Khoadir, em 22º.