icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
02/07/2013
21:55

Depois de 24 dias sem entrar em campo para uma partida oficial, o Botafogo volta à rotina de jogos nesta quarta-feira. A equipe enfrenta o Figueirense no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, às 21h50, pela terceira fase da Copa do Brasil. O técnico Oswaldo de Oliveira, em entrevista coletiva, ressaltou a vontade do grupo em poder voltar a treinar para um jogo, após um longo período inativo.

- Na segunda-feira, especialmente, eles voltaram com uma motivaçao muito grande, já com intensidade de jogo. Esse grupo tem mostrado ao longo do ano muitas ações de profissionalismo - disse

No treino desta terça-feira, o treinador confirmou a entrada do meia-atacante Vitinho, de 19 anos, na vaga deixada por Fellype Gabriel, vendido para o futebol árabe. Sobre o adversário, Oswaldo comentou que o Figueirense é uma equipe técnica, com jogadores leves e rápidos. Contudo, ressaltou a vontade de passar para as oitavas de final:

- Temos que encarar com naturalidade o adversario, que é dificil, mas vamos nos esforçar para passar.

FIGUEIRA VOLTA AOS JOGOS COM POUCAS NOVIDADES

Os dois duelos contra o Botafogo serão a oportunidade de o Figueirense provar a sua força no ano, após um início de temporada sem muito o que celebrar: o time foi eliminado na semifinal do Campeonato Catarinense e faz campanha apenas regular na Série B do Campeonato Brasileiro.

E para conquistar um bom resultado contra a equipe carioca em Volta Redonda, o Figueirense terá poucas novidades com relação ao time que vinha sendo o titular antes da paralisação da Copa do Brasil e da Série B para a Copa das Confederações. Apenas o goleiro Tiago Volpi e o apoiador Diguinho conquistaram uma vaga entre os 11 do técnico Adilson Batista durante o recesso das competições.

Volpi agradou durante o período de treinos do Figueirense e ganhou a titularidade de Ricardo. Além disso, Neneca, recém-contratado, não poderá atuar na Copa do Brasil, pois já defendeu o América-MG na edição deste ano do torneio. Já Diguinho, que teve passagem apagada pelo Botafogo, é uma das tentativas de Adilson Batista para resolver a falta de criatividade no meio de campo do Figueira. Tchô, ex-Villa Nova e Atlético-MG, será opção para o decorrer do jogo.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO X FIGUEIRENSE

Local: Raulino de Oliveira, Volta Redonda (RJ)
Data/hora: 3/7/2013 – 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Guilherme Ceretta de Lima (SP)
Auxiliares: Herman Brumel Vani (SP) e Fábio Rogério Baesteiro (SP)

BOTAFOGO: Jefferson, Lucas, Bolívar, Dória e Julio Cesar; Marcelo Mattos, Gabriel, Lodeiro, Seedorf e Vitinho; Rafael Marques - Técnico: Oswaldo de Oliveira.

FIGUEIRENSE: Tiago Volpi, André Rocha, Thiego, Douglas Silva e Wellington Saci; Nem, Ronaldo Tres, Maylson e Diguinho; Ricardinho e Rafael Costa – Técnico: Adilson Batista.

Depois de 24 dias sem entrar em campo para uma partida oficial, o Botafogo volta à rotina de jogos nesta quarta-feira. A equipe enfrenta o Figueirense no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, às 21h50, pela terceira fase da Copa do Brasil. O técnico Oswaldo de Oliveira, em entrevista coletiva, ressaltou a vontade do grupo em poder voltar a treinar para um jogo, após um longo período inativo.

- Na segunda-feira, especialmente, eles voltaram com uma motivaçao muito grande, já com intensidade de jogo. Esse grupo tem mostrado ao longo do ano muitas ações de profissionalismo - disse

No treino desta terça-feira, o treinador confirmou a entrada do meia-atacante Vitinho, de 19 anos, na vaga deixada por Fellype Gabriel, vendido para o futebol árabe. Sobre o adversário, Oswaldo comentou que o Figueirense é uma equipe técnica, com jogadores leves e rápidos. Contudo, ressaltou a vontade de passar para as oitavas de final:

- Temos que encarar com naturalidade o adversario, que é dificil, mas vamos nos esforçar para passar.

FIGUEIRA VOLTA AOS JOGOS COM POUCAS NOVIDADES

Os dois duelos contra o Botafogo serão a oportunidade de o Figueirense provar a sua força no ano, após um início de temporada sem muito o que celebrar: o time foi eliminado na semifinal do Campeonato Catarinense e faz campanha apenas regular na Série B do Campeonato Brasileiro.

E para conquistar um bom resultado contra a equipe carioca em Volta Redonda, o Figueirense terá poucas novidades com relação ao time que vinha sendo o titular antes da paralisação da Copa do Brasil e da Série B para a Copa das Confederações. Apenas o goleiro Tiago Volpi e o apoiador Diguinho conquistaram uma vaga entre os 11 do técnico Adilson Batista durante o recesso das competições.

Volpi agradou durante o período de treinos do Figueirense e ganhou a titularidade de Ricardo. Além disso, Neneca, recém-contratado, não poderá atuar na Copa do Brasil, pois já defendeu o América-MG na edição deste ano do torneio. Já Diguinho, que teve passagem apagada pelo Botafogo, é uma das tentativas de Adilson Batista para resolver a falta de criatividade no meio de campo do Figueira. Tchô, ex-Villa Nova e Atlético-MG, será opção para o decorrer do jogo.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO X FIGUEIRENSE

Local: Raulino de Oliveira, Volta Redonda (RJ)
Data/hora: 3/7/2013 – 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Guilherme Ceretta de Lima (SP)
Auxiliares: Herman Brumel Vani (SP) e Fábio Rogério Baesteiro (SP)

BOTAFOGO: Jefferson, Lucas, Bolívar, Dória e Julio Cesar; Marcelo Mattos, Gabriel, Lodeiro, Seedorf e Vitinho; Rafael Marques - Técnico: Oswaldo de Oliveira.

FIGUEIRENSE: Tiago Volpi, André Rocha, Thiego, Douglas Silva e Wellington Saci; Nem, Ronaldo Tres, Maylson e Diguinho; Ricardinho e Rafael Costa – Técnico: Adilson Batista.