icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
14/11/2013
10:21

Pela primeira vez na atual temporada, o Utah Jazz comemorou uma vitória na NBA. Na noite desta quarta-feira, a franquia de Salt Lake City bateu o New Orleans Pelicans por 111 a 105, mas o triunfo não esconde o retrospecto pífio.

Na partida contra o recém-criado Pelicans, o Jazz contou com grande atuação de seu quinteto titular, o que deixa uma esperança de dias melhores para a franquia a partir deste jogo. O ala-armador Gordon Hayward (27 pontos e 10 assistências), o pivô Enes Kanter (21 pontos e 10 rebotes) e o ala-pivô Derrick Favors (12 pontos e 12 rebotes) foram os grandes nomes da primeira vitória na temporada 2013/2014.

Na temporada passada, o Utah Jazz brigou até a última rodada da temporada regular com o Los Angeles Lakers por uma vaga nos playoffs. E parece que a equipe gastou todas as suas engergias naquela corrida pelos playoffs, onde não se classificou, já que nesta temporada vinha sendo um time apático.

Até aqui, o Utah Jazz, lanterna da Conferência Oeste, já disputou nove jogos na NBA e sofreu oito derrotas. E se já não bastasse, o time de Salt Lake City sofreu seis derrotas com placares elásticos (pelo menos dez pontos de diferença) e apenas duas com uma pequena distância de pontos.

O desempenho da franquia também não foi positivo na pré-temporada, quando disputou oito jogos e perdeu sete deles.

Após renovar o seu contrato com a franquia por mais quatro anos, o jovem Derrick Favors, de 22 anos, vem sendo o jogador mais regular da equipe, apesar do retrospecto negativo. O jogador tem média de duplo-duplo na temporada, com 13 pontos e dez rebotes por partida.

O Jazz sofreu perdas no período entre uma temporada e outra. O pivô Al Jefferson e o aramdor Mo Williams, destaques da equipe na temporada passada, optaram por não renovar seus contratos e foram para Charlotte Bobcats e Portland Trail Blazers, respectivamente.

Al Jefferson, atualmente no Bobcats, era o dono do garrafão do Jazz na temporada passada, quando teve média de quase 18 pontos e nove rebotes por jogo. Já Williams, do Blazers, registrou quase 13 pontos e seis assistências por partida na temporada passada pelo Jazz.

Buscando se reerguer na liga, o Utah Jazz volta a jogar nesta sexta-feira, contra o San Antonio Spurs, em Salt Lake City. O duelo será justamente contra uma das equipes de melhor retrospecto na NBA (oito vitórias e uma derrota do Spurs).

Veja o retrsopecto do Jazz em 2013/2014

Utah Jazz 98 x 101 Oklahoma City Thunder
Phoenix Suns 87 x 84 Utah Jazz
Utah Jazz 93 x 104 Houston Rockets
Brooklyn Nets 194 x 88 Utah Jazz
Boston Celtics 97 x 87 Utah Jazz
Chicago Bulls 97 x 73 Utah Jazz
Toronto Raptors 115 x 91 Utah Jazz
Utah Jazz 81 x 100 Denver Nuggets
Utah Jazz 111 x 105 New Orleans Pelicans