icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
20/11/2013
10:55


O treinamento da manhã desta quarta-feira começou com a presença ilustre do ex-jogador e ídolo do Fluminense Deco. O luso-brasileiro, que foi campeão do Brasileirão de 2012 pelo Tricolor, esteve no clube para rever seus ex-companheiros e observou uma parte do treino no Estádio Presidente Manoel Schwartz, em Laranjeiras.

Os jogadores começaram a manhã com uma atividade recreativa, a famosa roda de bobinho, que durou cerca de 20 minutos. Ela foi seguida por um breve alongamento e aquecimento com todos os jogadores do elenco, menos Wágner, que estava em tratamento na academia e nem sequer foi a campo nesta quarta.

Dorival Júnior comandou um coletivo onde esboçou a provável equipe que enfrentará o Santos, no próximo domingo, às 17h, no Prudentão, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. O técnico, que paralizava o treinamento a todo momento para orientar e deixar a equipe da maneira que gostaria, montou os times com Diego Cavalieri, Igor Julião, Leandro Euzébio, Anderson e Digão; Edinho, Jean e Felipe; Rhayner, Rafael Sobis e Samuel, e do outro lado com Klever, Wellington Silva, Wellington Carvalho, Elivelton e Ronan; Fábio Braga, Willian e Rafinha; Kennedy, Biro Biro e Marcelinho.

Ao término do coletivo, que durou quase uma hora, alguns jogadores do elenco treinaram finalizações, com destaque para Jean, que acertou a maioria dos chutes que deu ao gol. Enquanto outros jogadores fizeram atividades físicas do outro lado do campo.

As novidades do treinamento ficaram por conta de Diguinho e Bruno, que estavam entregues ao departamento médico do Fluminense e deram voltas no gramado, enquanto o resto do elenco treinava. O volante não entra em campo desde a partida diante do Corinthians, quando o Tricolor perdeu por 1 a 0 na 33ª rodada do Campeonato Brasileiro. Já o lateral direito não joga desde o Fla-Flu, quando o Fluminense também perdeu, mas na 32ª rodada do Brasileirão.