icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
09/11/2013
13:07

O Atlético-MG batalha fora de campo para convencer a Fifa a aceitar a inscrição de Fernandinho no Mundial. E o técnico Cuca, um das partes mais interessadas nisso, prefere focar nos trabalhos dentro das quatro linhas. Mesmo assim, deixou claro sua esperança de que o camisa 11 será aceito na lista de 25 nomes determinados a ser enviada no dia 29 de novembro.

- Procuro ficar fora, cuidar mais do campo, meu sentimento me diz que ele vai ter condição de jogar, estou trabalhando com esta hipótese, não estou pensando de outra forma, na frente se não puder, a gente trabalha de outra forma, mas a minha convicção é de que ele vai jogar - afirmou o treinador alvinegro.

Fernandinho tem uma postura parecida com seu treinador. Com um 'staff' fora de campo, o jogador busca informações com Eduardo Maluf, diretor de futebol, e Carlos Alberto Isidoro, supervisor técnico de futebol.