icons.title signature.placeholder Bruno Cassucci
icons.title signature.placeholder Bruno Cassucci
27/07/2013
07:02

O Santos luta para quebrar uma sina negativa que já dura dois anos e nove meses. Desde a 31ª rodada do Brasileirão de 2010 o time não sabe o que é estar no G4, grupo dos primeiros colocados do campeonato, que ganham o direito de disputar a Copa Libertadores.

Sob o comando do técnico Muricy Ramalho, o Peixe nunca brigou pelos primeiros lugares do Nacional. Em 2011, o time priorizou a preparação para o Mundial de Clubes, poupou jogadores, e ficou durante quase toda a competição no meio da tabela. Ano passado foi ainda pior, já que chegou a frequentar a zona de rebaixamento em algumas rodadas e não conseguiu a qualificação para o torneio sul-americano.

No entanto, mesmo que vença a Ponte Preta neste sábado, a equipe do técnico Claudinei Oliveira dificilmente conseguirá entrar no G4. Isso porque o Cruzeiro, quarto colocado, tem três pontos e oito gols a mais de saldo que o Santos. Assim, o Peixe precisaria golear a Macaca, torcer para os mineiros perderem do Atlético-MG por uma diferença grande de gols e ainda secar Vitória e Bahia, quinto e sexto colocados, respectivamente.

A matéria completa e um infográfico sobre a campanha santista nos últimos anos no Brasileiro você confere no LANCE!Digital.

O Santos luta para quebrar uma sina negativa que já dura dois anos e nove meses. Desde a 31ª rodada do Brasileirão de 2010 o time não sabe o que é estar no G4, grupo dos primeiros colocados do campeonato, que ganham o direito de disputar a Copa Libertadores.

Sob o comando do técnico Muricy Ramalho, o Peixe nunca brigou pelos primeiros lugares do Nacional. Em 2011, o time priorizou a preparação para o Mundial de Clubes, poupou jogadores, e ficou durante quase toda a competição no meio da tabela. Ano passado foi ainda pior, já que chegou a frequentar a zona de rebaixamento em algumas rodadas e não conseguiu a qualificação para o torneio sul-americano.

No entanto, mesmo que vença a Ponte Preta neste sábado, a equipe do técnico Claudinei Oliveira dificilmente conseguirá entrar no G4. Isso porque o Cruzeiro, quarto colocado, tem três pontos e oito gols a mais de saldo que o Santos. Assim, o Peixe precisaria golear a Macaca, torcer para os mineiros perderem do Atlético-MG por uma diferença grande de gols e ainda secar Vitória e Bahia, quinto e sexto colocados, respectivamente.

A matéria completa e um infográfico sobre a campanha santista nos últimos anos no Brasileiro você confere no LANCE!Digital.