icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
30/07/2014
20:39

Cláudio Tencati, técnico do Londrina, e Oswaldo de Oliveira, comandante do Santos, encararam o duelo desta quinta-feira, às 21h, de maneiras distintas. Enquanto o treinador do clube paranaense, há mais de três anos no cargo, fez mistério na escalação durante a semana para confundir o adversário, Oswaldo tirou todos os titulares da lista de relacionados e treinou nos três dias da semana com um time reserva e recheado por jovens jogadores. O duelo entre os estilos vale pela ida da terceira fase da Copa do Brasil e ocorre no Estádio do Café, com promessa de bom público.

Sem contar com os titulares, Oswaldo escalou o Peixe com nove jogadores revelados nas categorias de base. As únicas exceções são justamente os dois jogadores mais conhecidos deste 11 "remendado" da equipe: o volante Renato, que é ídolo do clube, mas começou no Guarani, e o meia Souza, que surgiu no futebol goiano mas completou a base no Palmeiras. Souza, inclusive, atuará como armador da equipe no mesmo esquema 4-3-3 utilizado com os titulares.

- A ideia é manter a forma que o time vem jogando, porque a gente respeita as características. Uns são mais técnicos, velozes, defensivos, outros recompõem melhor. Com o Souza eu pretendo aproveitá-lo na função de armar. A única posição que não temos reposição é na armação, e espero trabalhá-lo para isso - afirmou o técnico Oswaldo de Oliveira.

O Santos terá os desfalques de Jubal, suspenso por acúmulo de cartões amarelos, e Victor Ferraz, impossibilitado de jogar a Copa do Brasil por já ter vestido a camisa do Coritiba no torneio. Além deles, ficam fora os jogadores que se recuperam de lesão: Gustavo Henrique, Edu Dracena e Leandro Damião.

O Londrina também vai desfalcado. Sem contar com Bruno Batata, que já defendeu o J. Malucelli na Copa do Brasil, o técnico Cláudio Tencati não definiu se optará por Paulinho ao lado de Joel no ataque ou se Rone Dias ganha chance no meio com Celsinho improvisado no ataque. O clube paranaense foi campeão estadual nesta temporada e também disputa paralelamente a Série D do Campeonato Brasileiro. Para Tencati, as duas competições têm a mesma importância.

- Estamos disputando duas competições bastante diferentes, mas que requerem muito trabalho e disciplina dos jogadores para conquistarmos uma boa posição em ambos os campeonatos. Por isso, estamos treinando forte para o time dar conta de buscar os pontos necessários para realizarmos a classificação na Copa do Brasil e a boa performance no Brasileiro - afirmou o treinador do Londrina, cujo grande destaque é o meia Celsinho, revelação da base da Portuguesa.

FICHA TÉCNICA
LONDRINA x SANTOS

Local: Estádio do Café, em Londrina (PR)
Data/Hora: 31 de julho de 2014, às 21h
Árbitro: Igor Junio Benevenuto (MG)
Assistentes: Celso Luiz da Silva e Luiz Antonio Barbosa (ambos de MG)

LONDRINA: Vítor, Lucas Ramon, Sílvio, Dirceu e Allan Vieira; Diogo Roque, Bidía, Léo Maringá e Celsinho ; Joel e Paulinho (Rone Dias). Técnico: Cláudio Tencati.

SANTOS: Vladimir, Zeca, Paulo Ricardo, Vinicius Simon e Emerson; Alan Santos, Renato e Souza; Jorge Eduardo, Diego Cardoso e Stéfano Yuri. Técnico: Oswaldo de Oliveira.