icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
29/07/2014
19:23

Alexandre Pato está de volta ao time titular do São Paulo. Entre críticas de Muricy Ramalho e desfalques no elenco, o camisa 11 está escalado para enfrentar o Bragantino às 22h desta quarta-feira, em Ribeirão Preto, pela terceira fase da Copa do Brasil. Enquanto seu parceiro de ataque Ademilson curte dias de tranquilidade na temporada, o badalado jogador emprestado pelo Corinthians terá a chance de recuperar posição que parecia garantida no dia 12 de março: a data de sua estreia no clube.

De lá para cá, Pato disputou 16 partidas, sendo 14 como titular. Ele também anotou gols apenas contra CSA-AL, Coritiba e Fluminense, mas o início promissor ganhou ares de martírio a partir de junho. Na última partida antes da parada da Copa do Mundo, a vitória por 2 a 1 sobre o Atlético-MG, Alexandre Pato saiu vaiado no Morumbi e foi reserva nos quatro jogos seguintes do time na temporada.

O mau desempenho e, principalmente, a postura “tranquila” dentro de campo fizeram o atacante voltar a ser taxado de descompromissado, como aconteceu nos meses em que atuou no Corinthians.  Agora, com os desfalques de Alan Kardec (já disputou a Copa do Brasil pelo Palmeiras), Osvaldo e Luis Fabiano (lesionados), ele tem o apoio dos companheiros para se reerguer.

– O Pato tem sua raça, sua característica à sua maneira. Muitas vezes falo com ele, como com qualquer outro, mas não sei se o caminho certo. Assim como ele, também tenho muitas coisas para corrigir, pois levo cartões demais. Tenho minhas características, ele tem as deles. Tento mostrar outro caminho para ele, assim como podem mostrar para mim – analisou o uruguaio Alvaro Pereira.

No lado do Bragantino, a principal novidade é também o principal mistério. O técnico Mazola Júnior foi demitido no início da semana para dar lugar ao experiente PC Gusmão, que ainda não tem presença confirmada para o duelo com o São Paulo. A tendência é que o interino André Gaspar fique à beira do gramado e promova a volta do lesionado Gustavo Carbonieri na vaga do suspenso Yago.

FICHA TÉCNICA
BRAGANTINO X SÃO PAULO

Local: Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP)
Data: 30 de julho de 2014, às 22h
Árbitro: Thiago Duarte Peixoto (SP)
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho e Fabio Rogério Baeesteiro (ambos de SP)

BRAGANTINO: Renan; Robertinho, Gustavo Carbonieri, Guilherme Mattis e Bruno Recife; Francesco, Geandro, Léo Jaime e Magno Cruz; Cesinha e Nunes. Técnico: André Gaspar (interino).

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Douglas, Paulo Miranda, Rafael Toloi e Alvaro Pereira; Rodrigo Caio, Souza, Maicon e Ganso; Ademilson e Alexandre Pato. Técnico: Muricy Ramalho.