icons.title signature.placeholder Eduardo Moura
13/11/2013
08:01

O Internacional já tem a primeira contratação para o próximo ano. O zagueiro Ernando, atualmente no Goiás, tem um pré-contrato assinado com o clube gaúcho há algum tempo e vai ser o primeiro reforço para o sistema defensivo colorado. E o diretor de futebol Luis Cesar Souto de Moura garante que não vai parar por aí. O ano de 2013 foi o ano dos atacantes e meias. E 2014 é para ser o ano dos defensores.

Ernando já tem o vínculo firmado com o Colorado. Seu contrato acaba no final do ano com o Goiás e ele se transfere para Porto Alegre. Será o primeiro reforço para a defesa de alguns que chegarão.

- Temos o acordo com o Ernando. E vamos querer qualificar ainda mais. Se fez uma qualificação da equipe do meio para frente este ano, dado que não se tinha recurso para um ano só, e 2014 prevê o acréscimo de qualidade do meio para trás. O nosso planejamento é para dois anos, para a gestão do presidente Giovanni Luigi em 2013 e 2014 e estamos sendo julgados pela metade do trabalho. Não está certo – revelou o diretor colorado ao LANCE!Net.

No ano, o Inter contratou os atacantes Scocco, Caio e Jorge Henrique e os meias Alex e Alan Patrick. O investimento maior caiu sobre o argentino, que custou cerca de R$ 15 milhões. Do meio para trás, o Inter se reforçou com Gabriel, Airton e Willians, sendo que pagou apenas por este último, em negociação junto a Udinese, da Itália.

Ao final do ano, o Inter tem três jogadores do sistema defensivo que encerrarão seu vínculo. Os laterais Kleber e Gabriel e o zagueiro Índio. Todos já acima dos 30 anos. A tendência é que não tenham seus contratos renovados. A diretoria garante que não está tratando dos assuntos e não quer comentar sobre permanência ou não de jogadores publicamente.