icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
28/06/2014
10:00

Com poucas chances no primeiro semestre, Dakson ressalta que o início de ano foi um pouco prejudicado por uma grave lesão que o tirou da reta final do Campeonato Brasileiro do ano passado. Um problema muscular na coxa direita no início de outubro – sentido no confronto contra o Internacional – fez com que estivesse fora das partidas em que o Vasco lutou contra o rebaixamento e, segundo ele, o deixou abaixo dos outros no Carioca da atual temporada.

– O jogador tem de estar preparado sempre. Ano passado, tive uma sequência boa, mas me contundi. Voltei abaixo dos outros no Carioca, mas vou trabalhar da melhor maneira possível para quando as oportunidades surgirem – disse o camisa 20, que ainda completou:

– Temos que trabalhar e ficar à disposição. Tive uma sequência e me machuquei, mas agora minha cabeça está voltada para o Vasco, para voltar com o time para a Série A.

Ano passado foi o que Dakson mais entrou em campo desde a sua chegada a São Januário, em 2012. Ele atuou em 33 partidas e fez seis gols.

Na temporada em que acertou com o Cruz-Maltino, o meia, que estava no futebol da Bulgária, teve alguns problemas burocráticos em relação ao contrato, o que atrasou a estreia com a camisa vascaína