icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
29/12/2013
03:05

Após uma temporada de muita rivalidade no The Ultimate Fighter 18, Ronda Rousey e Miesha Tate carregaram todas as emoções para dentro do octógono. As atletas se enfrentaram pelo evento-coprincipal do UFC 168, que aconteceu em Las Vegas, nos Estados Unidos, e realizaram uma luta emocionante, na qual Ronda conquistou a vitória por finalização no terceiro round.

Apesar de ter dado trabalho, Miesha acabou sendo finalizada como todas outras oponentes que Ronda enfrentou: com uma chave de braço. Mas, a desafiante deu à campeã a luta mais difícil de sua carreira. Até o UFC 168, Ronda tinha vencido todas suas lutas por chave de braço no primeiro round, enquanto Tate conseguiu levar uma luta muito dinâmica até o terceiro assalto, além de ter escapado de diversas tentativas de finalização de Ronda.

Ambas atletas mostraram muita agressividade desde o início da luta. Assim que o confronto começou, as lutadoras partiram para uma trocação franca, e depois alternaram tentativas de derrubada. Utilizando toda sua habilidade no judô, Ronda levou a melhor na luta agarrada e conseguiu mais quedas. Assim que a luta chegava ao chão, a campeã buscava finalizações e conseguiu encaixar seu golpe tradicional no terceiro assalto.

Após o duelo, Miesha tentou cumprimentar Ronda, mas acabou sendo ignorada pela campeã. O público, que tinha apoiado Miesha durante a luta, vaiou a atitude de Ronda e mal deixou a campeã ser ouvida ao dar entrevista a Joe Rogan, ainda no octógono.

- Primeiramente tenho que dar parabéns a Miesha pela luta que ela fez. Por tudo que aconteceu não pude cumprimentá-la, mas agradeço pela luta. Me senti desrespeitada pelas coisas que ela falou e prometi para minha família que faria isso. Não posso apertar a mão dela - afirmou a lutadora.

Do outro lado, Miesha evitou entrar novamente em polêmica com Ronda. A desafiante afirmou que não tinha desculpas para sua derrota e reconheceu que Ronda é a "melhor do mundo".

- Depois do que ela mostrou essa noite, não tenho desculpas para dar. Ela é a melhor do mundo - declarou Miesha.

Com o triunfo sobre Miesha Tate, Ronda Rousey ampliou seu cartel invicto no MMA para oito vitórias na carreira. A campeã peso-galo feminina do Ultimate agora acumula duas defesas consecutivas do cinturão.

A próxima luta de Ronda pela organização deve ser contra Cat Zingano. Zingano seria a desafiante ao cinturão peso-galo feminino no lugar de Tate, mas teve de abandonar o compromisso devido a uma lesão no joelho.

A LUTA
1º Round
As duas atletas começaram a luta com tudo e partiram para trocação franca. Após encurtar a distância, Ronda passou a trabalhar golpes na luta agarrada e conseguiu derrubar sua adversária. Ao se levantar, Miesha avançou para as pernas de sua oponente e conseguiu colocá-la no chão, mas não teve efetividade no solo. Após voltar a luta em pé, Miesha tentou mais duas derrubadas, que foram revertidas pela campeã.

2º Round
No segundo assalto, as atletas continuaram com a luta ofensiva. Ambas lutadoras arriscavam golpes na trocação, mas Ronda levava a melhor na luta agarrada. Miesha tentou novamente derrubadas sem sucesso. No meio do round, Ronda encurtou a distância e encurralou sua oponente na grade, preparando o terreno para uma nova queda de judô. No final do assalto, Ronda encaixou um triângulo invertido, mas a desafiante resistiu.

3º Round
Ronda não perdeu tempo e logo partiu para luta agarrada. Depois de encurralar sua oponente na grade, a campeã aplicou uma nova queda. No solo, Ronda conseguiu fazer a transição para a chave de braço e finalizou Miesha Tate.