icons.title signature.placeholder Marcio Porto
09/11/2013
21:25

De um lado, Souza, camisa 10 da Portuguesa. Do outro, Alex, camisa 10 do Coritiba. Um já vestiu a 10 do São Paulo em tempos gloriosos. O outro fez o mesmo com o Palmeiras, Cruzeiro. Mas status não entra em campo. Tanto que Lusa e Coxa, mesmo com dois nomes de pompa, decepcionaram e não saíram do 0 a 0, neste sábado, no Canindé, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro. Resultado: as duas equipes continuam com a corda no pescoço, ameaçadas pelo rebaixamento.

Mais. Tanto Souza quanto Alex foram substituídos e nem chegaram à parte final da partida. Os dois foram bem discretos e a ausência de futebol de ambos simbolizou bem o que foi a partida, com ligeira, mas bem ligeira vantagem para o dono da casa.

No primeiro tempo, Souza criou as principais e poucas chances da Portuguesa, seja em cobranças de falta ou lançamentos caprichosos. Mas foi muito pouco, pois a Lusa pecava ao se aproximar da área adversária.

Alex, por sua vez, quase não pegou na bola. Foi irreconhecível. Nem de longe lembrou aquele jogador dos tempos áureos e do início do campeonato, quando levou o Coxa à liderança. Pífio!

Para complicar ainda mais a jornada, muita confusão no Canindé. Cenas lamentáveis. Horas antes do confronto, profissionais do Coritiba, como o roupeiro e o massagista do clube, foram agredidos por torcedores da Portuguesa. Na arquibancada, torcedores do Coxa entraram em conflito com a polícia. As duas torcidas ainda tentaram brigar. A polícia novamente precisou agir e mais confusão. Uma noite triste de maneira geral.

Com o empate, a Portuguesa chegou aos 40 pontos, faltando cinco rodadas para o fim do campeonato. Está a apenas quatro pontos da zona do rebaixamento e na próxima rodada, quarta-feira, enfrenta o Botafogo, fora de casa. O Coxa ficou com 41 pontos e vai receber o Corinthians, no Couto Pereira. Haja coração...

FICHA TÉCNICA
PORTUGUESA 0 X 0 CORITIBA

Local: Canindé, em São Paulo (SP)
Data-hora: 09/11/2013, às 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (Fifa/MG)
Público/Renda: 3.781 pagantes / R$ 79.622,00

Cartões amarelos: Gilberto (POR); Diogo, Vitor Júnior, Júnior Urso (COR)
Cartão vermelho: nenhum

PORTUGUESA: Lauro; Corrêa, Moisés Moura, Valdomiro, Rogério; Willian Arão, Bruno Henrique, Moisés (Carlos Alberto, aos 41'/2ºT) e Souza (Vanderson, aos 27'/2ºT); Gilberto e Diogo (Henrique, aos 37'/2ºT). Técnico: Guto Ferreira.

CORITIBA: Vanderlei; Victor Ferraz, Leandro Almeida, Luccas Claro e Diogo; Willian, Júnior Urso, Carlinhos, Alex (Keirrison, aos 31'/2ºT) e Vitor Júnior (Emerson Santos, aos 25'/2ºT); Júlio César (Germano, aos 41'/2ºT). Técnico: Péricles Chamusca