icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
02/04/2014
21:42

Um dos seis titulares do Palmeiras vetados pelo departamento médico para o jogo das 22h desta quarta-feira contra o Vilhena-RO, no Pacaembu, Fernando Prass se esforçou para poder jogar, mas uma lesão no tornozelo direito o impedirá de atuar.

- Se eu pudesse jogar, estaria jogando, tanto é que concentrei e fui para o treino hoje (quarta) de manhã, mas não consegui fazer alguns movimentos. Poderia ser final de Copa do Mundo hoje que, em sã consciência, eu não poderia jogar - declarou o camisa 25, que novamente será substituído por Bruno.

O capitão alviverde convive com limitações no pé desde sábado, véspera da eliminação no Campeonato Paulista para o Ituano. Ele até deixou a partida decisiva que culminou com a saída do Verdão do Estadual após derota por 1 a 0. Não é por isso, no entanto, que ele deixa de acompanhar a delegação no estádio municipal.

- A importância é o grupo estar sempre unido, principalmente quando existe uma certa cobrança por conta de termos saídos de um campeonato. Pressão tem todo jogo. Se tivéssemos passado no Paulista e não classificássemos hoje, a pressão viria da mesma forma.

Como o Alviverde venceu o jogo de ida por 1 a 0 na primeira fase da Copa do Brasil, pode avançar com um empate. Além de Prass, os outros titulares vetados para o jogo são Wendel, Juninho, Wesley, Valdivia e Kardec. Os reservas Bruno Oliveira, França e Diogo também não apresentam condições de ir a campo.

A escalação do time será a seguinte: Bruno; Tiago Alves, Lúcio, Wellington e William Matheus, Eguren, Marcelo Oliveira; Mendieta e Bruno César; Leandro e Miguel.