icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
09/07/2013
21:07

O São Paulo vive um momento turbulento. À procura de um novo treinador, o time quer reencontrar o bom futebol e voltar a vencer dentro de casa. Nas últimas três partidas, Goiás, Corinthians e Santos foram "convidados" indigestos ao Tricolor. Para retomar o caminho das vitórias, o clube do Morumbi tem a chance diante do Bahia, nesta quarta-feira, às 21h, em casa, em jogo da 11ª rodada adiantado por conta da partipação do elenco paulista na Copa Suruga.

As duas equipes aparecem com oito pontos na competição. Por conta do saldo de gols, o São Paulo figura na nona colocação, enquanto o Bahia aparece em 11º lugar.

ESTREIA PARA DAR ÂNIMO

Vaiado nos últimos jogos, o lateral-esquerdo Juan pode dar lugar ao argentino Clemente Rodríguez, contratado para o segundo semestre. Apresentado na última segunda-feira, o jogador foi relacionado e deve fazer a sua estreia nesta quarta-feira. Na outra lateral, sem Douglas, machucado, o técnico interino Milton Cruz optou pelo jovem Lucas Farias, de 18 anos.

- É um sonho de criança ser titular em um jogo no Morumbi pelo São Paulo, não só meu como de grande parte da minha família. É um prazer estar realizando esse sonho tanto pra mim quanto pra eles - declarou o jogador, ao site oficial do clube.

Suspensos, Denilson e Wellington dão lugar a Rodrigo Caio e Maicon. Rafael Toloi, com uma entorse no tornozelo direito, também está fora. E quem pode sair do time titular é Paulo Henrique Ganso. O meia não conseguiu ter uma boa atuação nos dois jogos depois da parada para a Copa das Confederações.

Além disso, o camisa 8 sentiu um desconforto muscular e não participou da parte final do último treino. No entanto, Ganso está relacionado para o jogo. Milton Cruz irá ver as últimas partidas do Bahia para saber se escala o Maestro ou três atacantes, com Aloísio, Luis Fabiano e Osvaldo.

Derrotado nas últimas três oportunidades em que atuou no estádio do Morumbi, o São Paulo tem a oportunidade de acabar com esse jejum. Por conta disso, o técnico interino Milton Cruz eleva o ânimo dos jogadores.

- A confiança está em alta. O grupo está querendo, contra o Santos, eles entraram para conquistar a vitória. Se tivesse entrado uma bola no primeiro tempo, poderíamos ter ganho com facilidade. O pessoal está empenhado, conversei para dar moral - afirmou o interino.

PRA DAR A VOLTA POR CIMA!

Vindo de derrota em casa para o Corinthians por 2 a 0, no último domingo, o Bahia ainda teve o ambiente tumultuado pela deposição do presidente Marcelo Guimarães Filho, nesta terça-feira.

Em campo, o técnico Cristóvão Borges não terá nenhum desfalque para atrapalhar o seu trabalho. Até o atacante Fernandão, que havia sofrido uma entorse no tornozelo esquerdo na última partida, está recuperado e confirmado entre os titulares.

O atacante Wallyson também viajou com a delegação tricolor. No entanto, ele só estará a disposição contra a Ponte Preta, no próximo sábado, já que está emprestado pelo São Paulo e o contrato impede que ele enfrente o seu ex-clube. Assim, quem ganha espaço é Obina, relacionado pela primeira vez pelo Bahia para um jogo do Brasileirão.

FICHA TÉCNICA:
SÃO PAULO X BAHIA

LOCAL: estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
DATA/HORÁRIO: 10/7/2013, às 21h
ÁRBITRO: Alicio Pena Junior (MG)
ASSISTENTES: Fabio Pereira (TO) e Marconi Helbert Vieira (MG)

SÃO PAULO: Rogério Ceni, Lucas Farias, Lúcio, Rhodolfo e Clemente Rodríguez; Rodrigo Caio, Maicon, Jadson e Ganso (Aloísio); Osvaldo e Luis Fabiano. Técnico: Milton Cruz. 

BAHIA: Marcelo Lomba, Madson, Lucas Fonseca, Titi e Raul; Fabrício, Rafael Miranda, Fahel, Anderson Talisca e Marquinhos; Fernandão. Técnico: Cristóvão Borges. 

O São Paulo vive um momento turbulento. À procura de um novo treinador, o time quer reencontrar o bom futebol e voltar a vencer dentro de casa. Nas últimas três partidas, Goiás, Corinthians e Santos foram "convidados" indigestos ao Tricolor. Para retomar o caminho das vitórias, o clube do Morumbi tem a chance diante do Bahia, nesta quarta-feira, às 21h, em casa, em jogo da 11ª rodada adiantado por conta da partipação do elenco paulista na Copa Suruga.

As duas equipes aparecem com oito pontos na competição. Por conta do saldo de gols, o São Paulo figura na nona colocação, enquanto o Bahia aparece em 11º lugar.

ESTREIA PARA DAR ÂNIMO

Vaiado nos últimos jogos, o lateral-esquerdo Juan pode dar lugar ao argentino Clemente Rodríguez, contratado para o segundo semestre. Apresentado na última segunda-feira, o jogador foi relacionado e deve fazer a sua estreia nesta quarta-feira. Na outra lateral, sem Douglas, machucado, o técnico interino Milton Cruz optou pelo jovem Lucas Farias, de 18 anos.

- É um sonho de criança ser titular em um jogo no Morumbi pelo São Paulo, não só meu como de grande parte da minha família. É um prazer estar realizando esse sonho tanto pra mim quanto pra eles - declarou o jogador, ao site oficial do clube.

Suspensos, Denilson e Wellington dão lugar a Rodrigo Caio e Maicon. Rafael Toloi, com uma entorse no tornozelo direito, também está fora. E quem pode sair do time titular é Paulo Henrique Ganso. O meia não conseguiu ter uma boa atuação nos dois jogos depois da parada para a Copa das Confederações.

Além disso, o camisa 8 sentiu um desconforto muscular e não participou da parte final do último treino. No entanto, Ganso está relacionado para o jogo. Milton Cruz irá ver as últimas partidas do Bahia para saber se escala o Maestro ou três atacantes, com Aloísio, Luis Fabiano e Osvaldo.

Derrotado nas últimas três oportunidades em que atuou no estádio do Morumbi, o São Paulo tem a oportunidade de acabar com esse jejum. Por conta disso, o técnico interino Milton Cruz eleva o ânimo dos jogadores.

- A confiança está em alta. O grupo está querendo, contra o Santos, eles entraram para conquistar a vitória. Se tivesse entrado uma bola no primeiro tempo, poderíamos ter ganho com facilidade. O pessoal está empenhado, conversei para dar moral - afirmou o interino.

PRA DAR A VOLTA POR CIMA!

Vindo de derrota em casa para o Corinthians por 2 a 0, no último domingo, o Bahia ainda teve o ambiente tumultuado pela deposição do presidente Marcelo Guimarães Filho, nesta terça-feira.

Em campo, o técnico Cristóvão Borges não terá nenhum desfalque para atrapalhar o seu trabalho. Até o atacante Fernandão, que havia sofrido uma entorse no tornozelo esquerdo na última partida, está recuperado e confirmado entre os titulares.

O atacante Wallyson também viajou com a delegação tricolor. No entanto, ele só estará a disposição contra a Ponte Preta, no próximo sábado, já que está emprestado pelo São Paulo e o contrato impede que ele enfrente o seu ex-clube. Assim, quem ganha espaço é Obina, relacionado pela primeira vez pelo Bahia para um jogo do Brasileirão.

FICHA TÉCNICA:
SÃO PAULO X BAHIA

LOCAL: estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
DATA/HORÁRIO: 10/7/2013, às 21h
ÁRBITRO: Alicio Pena Junior (MG)
ASSISTENTES: Fabio Pereira (TO) e Marconi Helbert Vieira (MG)

SÃO PAULO: Rogério Ceni, Lucas Farias, Lúcio, Rhodolfo e Clemente Rodríguez; Rodrigo Caio, Maicon, Jadson e Ganso (Aloísio); Osvaldo e Luis Fabiano. Técnico: Milton Cruz. 

BAHIA: Marcelo Lomba, Madson, Lucas Fonseca, Titi e Raul; Fabrício, Rafael Miranda, Fahel, Anderson Talisca e Marquinhos; Fernandão. Técnico: Cristóvão Borges.