icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
12/07/2014
20:02

A Holanda segue sem um título mundial, mas já pode ser considerada o maior algoz do Brasil em Copas do Mundo, depois da goleada por 3 a 0 na tarde deste sábado, em Brasília (DF), na disputa pelo terceiro lugar do torneio.

Com o mais novo triunfo, a Laranja se tornou o adversário que mais superou a Seleção Brasileira em Mundiais. Acumulou três vitórias, já que havia eliminado os sul-americanos nas quartas de final da África do Sul-2010 com 2 a 1, e impedira o time liderado por Zagallo de disputar a final de 1974, na Alemanha, ao bater no rival por 2 a 0 na segunda fase de grupos.

Esta é apenas a segunda vez na história que o Brasil perde duas partidas seguidas no torneio. Só em 1974 fora superado por 1 a 0 pela Polônia, também na briga pela terceira colocação, após sucumbir para o Carrossel Holandês um confronto antes.

A derrota no Mané Garrincha nesta tarde é a segunda maior do Brasil em Copas. Igualou o revés para a França por 3 a 0, na final de 1998, e o pior  vexame aconteceu no 7 a 1 para a Alemanha, na semifinal, no Mineirão.

O terceiro gol holandês no Distrito Federal, de Wijnaldum, foi o 102º sofrido pelo Brasil na história das Copas e o 14º nesta edição.  Assim, o Mundial em casa é o que registra o maior número de vezes que a rede da equipe canarinho foi balançada. O recorde anterior era de 1938, na Copa da França, quando a Seleção havia tomado 11.