icons.title signature.placeholder Marcelo Braga e Renato Rodrigues
icons.title signature.placeholder Marcelo Braga e Renato Rodrigues
30/07/2013
09:04

Com o seu futuro ainda indefinido no Corinthians, já que tem contrato até o dia 31 de dezembro, Chicão desperta interesse de outros clubes. Segundo a Rádio Globo, o Fluminense aparece como o principal empenhado na contratação.

Na reserva de Gil e Paulo André, o beque evita falar sobre o assunto. Em rápido contato com o LANCE!Net, ele não negou a tentativa dos cariocas, mas disse que, assim que tiver uma definição, vai se pronunciar oficialmente para dar um parecer. À reportagem, a diretoria do Flu nega contato e interesse no corintiano.

No Timão, todos aguardam uma resposta do zagueiro. Foi lhe oferecido mais um ano de vínculo, mas Chicão quer pelo menos mais dois. Com 32 anos e no Parque São Jorge desde 2008, ele não mostra pressa em dar uma posição ao Corinthians. Como já pode assinar um pré-contrato com qualquer outro clube, aguarda propostas para poder voltar a negociar, inclusive, com o Timão.

Por sua vez, a diretoria garante que só libera o zagueiro antes do fim do contrato caso o interessado arque com uma quantia em dinheiro. Como ainda não completou sete jogos no Brasileirão, ele poderia defender outra camisa na competição.

Com o seu futuro ainda indefinido no Corinthians, já que tem contrato até o dia 31 de dezembro, Chicão desperta interesse de outros clubes. Segundo a Rádio Globo, o Fluminense aparece como o principal empenhado na contratação.

Na reserva de Gil e Paulo André, o beque evita falar sobre o assunto. Em rápido contato com o LANCE!Net, ele não negou a tentativa dos cariocas, mas disse que, assim que tiver uma definição, vai se pronunciar oficialmente para dar um parecer. À reportagem, a diretoria do Flu nega contato e interesse no corintiano.

No Timão, todos aguardam uma resposta do zagueiro. Foi lhe oferecido mais um ano de vínculo, mas Chicão quer pelo menos mais dois. Com 32 anos e no Parque São Jorge desde 2008, ele não mostra pressa em dar uma posição ao Corinthians. Como já pode assinar um pré-contrato com qualquer outro clube, aguarda propostas para poder voltar a negociar, inclusive, com o Timão.

Por sua vez, a diretoria garante que só libera o zagueiro antes do fim do contrato caso o interessado arque com uma quantia em dinheiro. Como ainda não completou sete jogos no Brasileirão, ele poderia defender outra camisa na competição.