icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
07/11/2013
16:30

O Atlético-PR chegou pela primeira vez à final da Copa do Brasil. Jogará com o Flamengo em jogos de ida e volta e resolve a decisão fora de casa, no novo Maracanã. Entretanto, pode-se afirmar que a partida de ida também não será no lar atleticano. Com a Arena da Baixada fechada para as obras da Copa do Mundo, o Rubro-Negro paranaense mandou as partidas no campo do Paraná Clube durante quase todo o ano de 2013 e dependerá, mais uma vez, da força das arquibancadas da Vila Capanema.

A situação não é inédita para os paranaenses, afinal, em 2005, quando disputou a final mais importante de sua história, quando acabou derrotado para o São Paulo na decisão da Libertadores, o Furacão também não pôde fazer uso de seu campo. Na ocasião, a Arena não possuía a capacidade mínima para comportar a partida, que teve de ser disputada no Beira-Rio, casa do Internacional.

Desta vez, os comandados de Vagner Mancini esperam um final diferente. Primeiro porque a partida será em Curitiba, onde o Furacão tem ampla vantagem em partidas contra o rival, e os torcedores não vão precisar percorrer longas distâncias para apoiar o time. Para chegar vivo ao Maracanã, o Atlético precisará fazer o lar do seu rival tricolor a sua própria moradia.