icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
22/11/2013
11:03

Centroavante titular do Corinthians em quatro dos últimos cinco jogos, o meia Renato Augusto voltará à posição original neste domingo, diante do Flamengo, no Maracanã. Segundo o treino desta quinta-feira, em que o técnico Tite esboçou a equipe para a 36ª rodada do Campeonato Brasileiro, mais um jogador do elenco será testado na função de "homem-gol": Emerson Sheik.

Os dois jogadores que fazem essa função originalmente são Paolo Guerrero e Alexandre Pato, não por acaso os artilheiros do Timão na temporada 2013. Contra o Flamengo, no entanto, nenhum dos dois será titular. De volta de suspensão no empate do último domingo, diante do Vasco, Pato fica entre os suplentes por opção de Tite. Já Guerrero operou uma fissura no dedo mínimo do pé esquerdo há apenas 27 dias e deve ficar no banco por não estar 100% fisicamente.

Guerrero tem 18 gols marcados em 2013, liderando a lista de artilheiros com um a mais que Alexandre Pato. Com seis gols, na posição de terceiro artilheiro, despontam Romarinho, Danilo e Paulinho, sendo que este último não faz parte do grupo desde junho. Sheik, escolhido para a função de centroavante neste domingo, marcou cinco vezes e terá a chance de ocupar o espaço mais indefinido da equipe de Tite na temporada.

Além do próprio Sheik e dos dois artilheiros, outros jogadores foram testados na função de homem-gol: Renato Augusto - desde que retornou de lesão - Romarinho e até Paulo André, que atuou durante 45 minutos como camisa 9 em partida diante do Náutico, em setembro. Naquela oportunidade, Tite chegou a lamentar a falta de um jogador de ofício para o lugar de Pato e Guerrero, que, na ocasião, defendiam as seleções do Brasil e do Peru, respectivamente.

- Estamos precisando e buscando há bastante tempo. É um consenso. Está difícil, mas estamos atrás de um jogador com essa característica. O Pato é de movimentação, não faz o pivô. Ele tem mais velocidade. E perdemos os dois (ele e Guerrero). Não é oportunismo pelo jogo de hoje, mas posso dizer que estamos procurando - afirmou Tite, na ocasião. Desde então, a diretoria não trouxe reforços, mas promoveu Douglas Tanque da base.