icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
12/07/2014
12:26

O último teste do Santos na pausa do Campeonato Brasileiro foi proveitoso. O Peixe bateu o Hortolândia por 4 a 0 no CT Rei Pelé. No entanto, o clima de paz acabou logo no primeiro tempo e um lance que seria uma disputa de bola normal acabou em briga.

Em uma dividida, Denilson, do time visitante, fez falta em Rildo, que reagiu com um soco no rosto. Depois disso, a confusão se instaurou e até o zagueiro David Braz entrou na pancadaria. Antes da árbitra tomar alguma atitude, os treinadores das duas equipes combinaram de substituir os envolvidos na briga par ao jogo continuar.

Com a bola rolando, o Peixe não deu chances para o adversário. A primeira etapa terminou com dois tentos a favor do Alvinegro, sendo os dois de Geuvânio. O time que começou jogando foi: Aranha; Victor Ferraz, David Braz (Vinicius Simon), Bruno Uvini, Mena; Alison, Arouca, Lucas Lima; Geuvânio, Rildo e Gabriel.


Para liquidar a vitória, o técnico Oswaldo de Oliveira trocou os jogadores para o segundo tempo, e entrou com: Vladimir; Zé Carlos, Paulo Ricardo, Vinicius Simon, Emerson; Souza, Leandrinho, Serginho; Jorge Eduardo, Diego Cardoso e Leandro Damião.

O camisa 9, que foi liberado pelo departamento médico após tratar uma pubeíte, vem treinando entre os reservas, mas fez bonito. Logo no início da segunda etapa ele recebeu um cruzamento de Emerson pela esquerda e em seu primeiro toque na bola balançou as redes.

No tento que fechou o placar, de Diego Cardoso, o camisa 9 foi quem deu a assistência, de cabeça. 

O Santos volta a treinar na segunda-feira a tarde. Depois da atividade, o lateral-direito Victor Ferraz será apresentado. O próximo desafio é contra o Palmeiras, na quinta-feira, às 19h30, na Vila Belmiro.