icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
15/12/2013
21:28

A última rodada do Torneo Inicial prometia ser bastante emocionante, e assim foi. Quatro clubes podiam levar o título do Campeonato Argentino, e por uma coincidência da tabela, confrontos diretos envolvendo todos eles na última rodada. O San Lorenzo, que estava na frente, aproveitou-se da combinação de resultados, foi campeão, deixou Newell's Old Boys, Vélez Sarsfield e Lanús para trás, e ainda tirou o River Plate da Copa Libertadores.

O time do papa Francisco começou a rodada com 32 pontos, dois a mais que os três rivais, e conseguiu segurar o empate em 0 a 0 com o Vélez Sarsfield fora de casa. Como a outra partida também ficou na igualdade, o San Lorenzo manteve a vantagem e levou o troféu. Se os donos da casa tivessem marcado pelo menos um e garantido a vitória, seria campeão. E fez muita pressão para isso, principalmente nos últimos minutos.

O outro jogo teve ainda mais emoção e quase adiou a definição. O Newell's Old Boys esteve na frente do placar por duas vezes, e teria empatado com o San Lorenzo em pontos. A igualdade na tabela forçaria em um jogo decisivo na quarta-feira. Mas Jorge Pereyra, no segundo tempo, empatou e "deu" o título para o time do papa.

Com esta combinação, o River Plate não tem mais chance de ir para a Copa Libertadores. O time do Monumental de Núñez seria o "Argentina 5", mas só se o Lanús fosse o campeão. Como não foi o vice-campeão pega essa vaga e joga a primeira fase do torneio continental contra o Caracas. O San Lorenzo é o "Argentina 3" e entra no grupo 2, ao lado de Unión Española, José Terán e Deportivo Quito ou Botafogo.