icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
07/12/2013
21:28

O time do Cruzeiro, naturalmente, teve uma queda de motivação depois do jogo contra o Vitória, que lhe deu seu terceiro título do Campeonato Brasileiro. Mas foi para o contra o Flamengo, neste sábado, no Maracanã, pela última rodada da competição, podendo chegar aos 78 pontos e igualar o São Paulo de 2006 como o time com maior pontuação na atual fórmula do torneio. Só que o empate por 1 a 1 deixou o time celeste "só" com 76 pontos, atrás do mesmo São Paulo de 2007 e o Fluminense do ano passado.

De qualquer forma, a campanha celeste não deixa espaço para críticas. A força do futebol do time mineiro ficou exposta nos números, com o melhor ataque e chances de ter a melhor defesa. O técnico Marcelo Oliveira até destacou que a busca pelo recorde igualado era uma motivação a mais, que não deu certo, mas que não é motivo para olhares negativos.

- Era uma forma de desafio, uma forma de motivar um time que acabou ganhando o campeonato de forma brilhante e antecipada. O jogador brasileiro se mobiliza rápido e se desmobiliza também, fizemos modificações no time para que mantivéssemos a motivação. Era um desafio, não conseguimos, mas não apaga o que foi feito. O principal é o titulo - disse o comandante.

A equipe celeste teve uma queda significativa nos últimos jogos, perdendo duas vezes e empatando outras duas.