icons.title signature.placeholder Bruno Andrade e Felipe Bolguese
icons.title signature.placeholder Bruno Andrade e Felipe Bolguese
26/07/2013
07:35

Há algumas semanas, Paulo André recebeu uma ligação de um agente representando um clube do Qatar. Os números apresentados não balançaram, mas houve a promessa de volta com um “caminhão de dinheiro”. Apesar do assédio, a intenção de Paulo é renovar com o Timão no futuro.

– Dou muito valor ao que o Corinthians fez por mim, a tudo que vivi aqui. Teria de ser uma coisa muito maluca mesmo, muito diferente do que imagino, para que tivesse vontade de sair. Resumindo: quero encerrar a carreira aqui e tentar conquistar o máximo de títulos possíveis. Vou fazer 30 anos, não sei até quando vou jogar, se dois, três, quatro anos... Dinheiro é importante, dá estabilidade, mas tive dinheiro na França e não era feliz. Não é a prioridade – disse o jogador, em entrevista exclusiva ao LANCE!Net.

 O Corinthians foi comunicado pelo jogador, cujo contrato vai até dezembro de 2014, mas nega qualquer proposta oficial.

– Se chegar, já aviso que não queremos vender – afirmou o diretor de futebol Duílio Monteiro Alves.

Paulo André foi contratado do Le Mans no fim de julho de 2009 e, no fim de 2011, renovou o contrato. Na entrevista, o jogador revelou que, enquanto estava na reserva da equipe, em 2011, também recebeu propostas para sair, mas decidiu permanecer.

– Em 2011 voltando de uma cirurgia, Castán e Chicão faziam uma excelente temporada, e eu tive propostas para sair, e mesmo estando no banco, ou nem no banco, pois revezava com o Wallace, eu resolvi ficar após uma conversa com o Tite. Felizmente hoje estou colhendo frutos dessas boas escolhas e dessas tantas férias trabalhadas – comemorou.

Confira outros trechos da entrevista com o zagueiro no LANCE!Digital.

Há algumas semanas, Paulo André recebeu uma ligação de um agente representando um clube do Qatar. Os números apresentados não balançaram, mas houve a promessa de volta com um “caminhão de dinheiro”. Apesar do assédio, a intenção de Paulo é renovar com o Timão no futuro.

– Dou muito valor ao que o Corinthians fez por mim, a tudo que vivi aqui. Teria de ser uma coisa muito maluca mesmo, muito diferente do que imagino, para que tivesse vontade de sair. Resumindo: quero encerrar a carreira aqui e tentar conquistar o máximo de títulos possíveis. Vou fazer 30 anos, não sei até quando vou jogar, se dois, três, quatro anos... Dinheiro é importante, dá estabilidade, mas tive dinheiro na França e não era feliz. Não é a prioridade – disse o jogador, em entrevista exclusiva ao LANCE!Net.

 O Corinthians foi comunicado pelo jogador, cujo contrato vai até dezembro de 2014, mas nega qualquer proposta oficial.

– Se chegar, já aviso que não queremos vender – afirmou o diretor de futebol Duílio Monteiro Alves.

Paulo André foi contratado do Le Mans no fim de julho de 2009 e, no fim de 2011, renovou o contrato. Na entrevista, o jogador revelou que, enquanto estava na reserva da equipe, em 2011, também recebeu propostas para sair, mas decidiu permanecer.

– Em 2011 voltando de uma cirurgia, Castán e Chicão faziam uma excelente temporada, e eu tive propostas para sair, e mesmo estando no banco, ou nem no banco, pois revezava com o Wallace, eu resolvi ficar após uma conversa com o Tite. Felizmente hoje estou colhendo frutos dessas boas escolhas e dessas tantas férias trabalhadas – comemorou.

Confira outros trechos da entrevista com o zagueiro no LANCE!Digital.