icons.title signature.placeholder Bruno Andrade
23/02/2015
13:45

Jadson está de saída do Corinthians. A pedido da comissão técnica, a diretoria alvinegra até tentou segurar o camisa 10 até o término da Copa Libertadores, mas o Jiangsu Sainty (CHN) bateu o pé e avisou nesta segunda-feira que depositará o valor da multa rescisória do meia: 5 milhões de euros (R$ 16,2 milhões).

O contrato do jogador com o Timão vai até 31 de dezembro deste ano. O clube paulista detém apenas 30% dos direitos econômicos e, com isso, receberá aproximadamente R$ 4,8 milhões pela negociação. O atleta, de 31 anos, já avisou a direção que tem interesse de atuar na China e deixará o Brasil ainda nesta semana.

Na última quinta-feira, em coletiva no CT Joaquim Grava, o novo presidente Roberto de Andrade chegou a declarar que Jadson não deixaria o Corinthians antes da Copa Libertadores. A oferta tentadora do futebol chinês, no entanto, falou mais alto.

Reserva no início da temporada, Jadson esteve muito perto de trocar o Corinthians pelo Flamengo. As conversas com os cariocas não avançaram, ele ganhou espaço entre os titulares com a saída de Lodeiro para o Boca Juniors (ARG) e se tornou um dos principais destaques do time comandado por Tite (sete jogos e um gol em 2015).