icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
17/11/2013
09:21

Em posições totalmente opostas na tabela, Cruzeiro e Ponte Preta realizam, às 17h deste domingo, um dos duelos válidos pela 35ª rodada do Brasileirão. Diferente de todo o restante do campeonato, a partida será realizada longe de Belo Horizonte por conta da punição imposta pelo STJD ao clube mineiro. O jogo em Uberlândia será o primeiro da Raposa após confirmar o título na rodada anterior, contra o Vitória. Ao contrário da equipe estrelada, os paulistas não tem nada que comemorar, e tentarão reunir suas últimas forças para aproveitar o clima de festa, surpreender como visitante e manter vivo o sonho de permanecer na elite.

Raposa quer fazer ainda mais história

Apesar do clima festivo, o técnico Marcelo Oliveira não quer dar folga aos adversários. Mesmo sem cinco de seus atuais titulares, o treinador mantem o discurso sério e afirma que quer seguir ganhando para bater o recorde de aproveitamento da história dos pontos corridos, além de superar a pontuação do São Paulo de 2007, a maior com 20 equipes até o momento.

- Em relação ao campeonato, tem alguns aspectos que para nós são importantes, são desafios e a gente vai mobilizar muito nesse sentido. Queremos obter a maior pontuação nesse tipo de competição com 20 clubes, obter e o melhor aproveitamento de todos até então - falou o treinador.

Para o confronto, jogadores como Dedé, Egídio, Nilton, Dagoberto e Borges sequer viajaram. Os quatro primeiros, por opção técnica, ficaram em BH. Já o atacante da camisa 9 não pode partcipar do jogo por conta da suspensão pelo terceiro cartão amarelo. Paulão, Everton, Leandro Guerreiro, Willian e Júlio Baptista deverão ser os prováveis titulares no triângulo mineiro.

Macaca luta contra o cansaço para surpreender

A Ponte Preta começa a apostar suas últimas fichas para tentar fugir da zona de rebaixamento. Após duas derrotas consecutivas, contra Vitória e Goiás, a equipe tenta aproveitar a ressaca do campeão Cruzeiro para voltar a vencer. Além da Raposa, a Macaca enfrentará novamente um outro adversário: o cansaço. Com o elenco no limite do desgaste físico, muito por conta da disputa em paralelo da Copa Sul Americana, o técnico Jorginho deverá promover novamente rodízio entre os atletas. Com isso, Uendel, Fellipe Bastos, Adrianinho e Rildo, poupados do ultimo jogo, podem voltar ao time.

A outra novidade será o retorno do volante Baraka, que havia cumprido suspensão diante do Goiás. A baixa é o zagueiro Diego Sacoman, que recebeu o terceiro cartão amarelo e desfalca o time. Precisando vencer praticamente todos os jogos restantes para não ser rebaixada e com uma semifinal de Sul-Americana contra o São Paulo pela frente, Jorginho pediu para o time manter o foco.

- As chances diminuem bastante, principalmente devido a outros resultados. Mas não é hora de jogar a toalha. Temos que estar ligados. No domingo temos um jogo importante contra o Cruzeiro. E temos a Sul-Americana. Temos que estar com a cabeça no lugar, com equilíbrio emocional para que não perdemos nosso foco - declarou o treinador pontepretano.

CRUZEIRO x PONTE PRETA
Local: Parque do Sabiá, Uberlândia (MG)
Data-Hora: 17/11/2013 – 17h (de Brasília)
Árbitro: Claudio Francisco Lima E Silva (SE)
Auxiliares: Cleriston Clay Barreto Rios (SE) e Ailton Farias da Silva (SE) 

CRUZEIRO: Fábio; Ceará, Léo, Paulão e Everton; Leandro Guerreiro, Lucas Silva, Éverton Ribeiro, Ricardo Goulart (Vinícius Araújo) e Willian; Júlio Baptista. Técnico: Marcelo Oliveira.

PONTE PRETA: Roberto, Artur, César, Ferron e Uendel; Baraka, Alef, Fellipe Bastos e Adrianinho; Rildo e William. Técnico: Jorginho.