icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
01/12/2013
12:51

Depois da despedida de Tite do Pacaembu, o próximo domingo marcará a despedida de Clemer da torcida do Inter., no confronto com a Ponte Preta, no Centenário. O treinador não irá continuar no comando - Abel Braga em breve será anunciado como treinador do clube gaúcho. O ex-goleiro fez uma retrospectiva de sua passagem ao final do empate com o Timão e reiterou que se receber uma proposta, segue seu caminho longe do clube que ama. Como já havia feito em entrevista exclusiva ao LANCE!Net.

O ídolo alvirrubro deixou claro que ainda não tem uma decisão definitiva. Espera o jogo contra a Ponte Preta, em Caxias do Sul. Assumiu o comando após a demissão de Dunga, de maneira interina, e foi efetivado. Lembra que ninguém quis assumir e que não poderia deixar o clube que ama na situação que se encontrava.

- Teve procura de muita gente e ninguém quis. Jamais deixaria o Inter em uma situação daquelas. E para mim era bom, era um risco, mas que aceitei. Jamais iria deixar o Inter em uma situação dessa de cair. O Inter não é esse tipo de clube, Só ver a história toda. Agradeço a oportunidade de treinar o time que amo. Se aparecer alguma coisa para mim, irei sair. Se não, vamos ver o que vamos fazer - relatou Clemer.

Seu grande legado será a promoção de alguns jovens ao elenco, já projetando a próxima temporada. Por exemplo, o volante João Afonso, que foi comprado pelo Inter junto ao Novo Hamburgo. Outros, como Valdívia, também puderam ganhar espaço no grupo principal pelas mãos de Clemer. O treinador fará um relatório para o sucessor.

- Foi um momento muito feliz, era o meu sonho ser treinador. Ralei muito para chegar onde cheguei, fui buscar na base o trabalho, o conhecimento. Trabalhar com um grupo forte como é o do Inter. Foi uma experiência boa para mim. Tomamos pedradas, mas faz parte da vida. Tem que ser dessa forma. Ainda não tenho relatório, até porque temos mais um jogo, não sabemos os jogadores que irão ficar. Alguns jogadores têm contrato acabando, jogadores que vão chegar também. Vamos esperar a última rodada para que a gente possa fazer o relatório, para quando o Abel chegar possa ter a melhor situação - disse, afirmando que sabe do acerto de Abel pela imprensa.