icons.title signature.placeholder Thiago Ferri
icons.title signature.placeholder Thiago Ferri
24/08/2015
07:52

Cleiton Xavier sofreu uma lesão semelhante à de Alecsandro, e não deve voltar tão rapidamente ao time do Palmeiras. Assim como o atacante, o problema na coxa do meia é no músculo reto femural, responsável pelo chute. O clube não divulga o prazo de retorno do camisa 8, mas o centroavante ficou cerca de um mês fora, entre o fim de junho e início de agosto.

Esta é a terceira vez em 2015 que CX8 para por conta de lesão, justamente quando o jogador começava a engrenar. Ele fez quatro partidas em sequência, sendo duas como titular, e até marcou na última quarta, na vitória sobre o Cruzeiro, pela Copa do Brasil. A expectativa era de que o jogador começasse a partida contra o Atlético-MG, mas acabou vetado um dia antes, depois de trabalhar entre os titulares em uma atividade fechada na Academia de Futebol.

Ao menos, o técnico Marcelo Oliveira conta com “reforços” para esta posição. Fellype Gabriel, contratado em maio, está em forma, e foi relacionado para os últimos dois jogos. Robinho, poupado contra o Cruzeiro por conta de uma sobrecarga muscular, também voltou, e é neste momento o principal concorrente à vaga que no domingo foi de Zé Roberto.

Desde que voltou, Cleiton Xavier 8 fez 17 jogos na temporada: foram quatro no Paulista, quando atuou na reta final e foi bem, três na Copa do Brasil, com direito ao seu único gol no retorno, além de outros dez no Brasileiro. 

NOVIDADE NA DEFESA

Enquanto Marcelo Oliveira quebra a cabeça para remontar o meio de campo, o técnico terá ao menos uma novidade para o duelo com o Cruzeiro, nesta quarta, no Mineirão. Victor Ramos está recuperado de dores musculares e deve ficar à disposição do comandante. O camisa 3 ficou fora do jogo diante do Galo, mas estava com o grupo no Independência. Ele é opção para a vaga de Jackson - Vitor Hugo é o outro beque do time.

Cleiton Xavier sofreu uma lesão semelhante à de Alecsandro, e não deve voltar tão rapidamente ao time do Palmeiras. Assim como o atacante, o problema na coxa do meia é no músculo reto femural, responsável pelo chute. O clube não divulga o prazo de retorno do camisa 8, mas o centroavante ficou cerca de um mês fora, entre o fim de junho e início de agosto.

Esta é a terceira vez em 2015 que CX8 para por conta de lesão, justamente quando o jogador começava a engrenar. Ele fez quatro partidas em sequência, sendo duas como titular, e até marcou na última quarta, na vitória sobre o Cruzeiro, pela Copa do Brasil. A expectativa era de que o jogador começasse a partida contra o Atlético-MG, mas acabou vetado um dia antes, depois de trabalhar entre os titulares em uma atividade fechada na Academia de Futebol.

Ao menos, o técnico Marcelo Oliveira conta com “reforços” para esta posição. Fellype Gabriel, contratado em maio, está em forma, e foi relacionado para os últimos dois jogos. Robinho, poupado contra o Cruzeiro por conta de uma sobrecarga muscular, também voltou, e é neste momento o principal concorrente à vaga que no domingo foi de Zé Roberto.

Desde que voltou, Cleiton Xavier 8 fez 17 jogos na temporada: foram quatro no Paulista, quando atuou na reta final e foi bem, três na Copa do Brasil, com direito ao seu único gol no retorno, além de outros dez no Brasileiro. 

NOVIDADE NA DEFESA

Enquanto Marcelo Oliveira quebra a cabeça para remontar o meio de campo, o técnico terá ao menos uma novidade para o duelo com o Cruzeiro, nesta quarta, no Mineirão. Victor Ramos está recuperado de dores musculares e deve ficar à disposição do comandante. O camisa 3 ficou fora do jogo diante do Galo, mas estava com o grupo no Independência. Ele é opção para a vaga de Jackson - Vitor Hugo é o outro beque do time.