icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
13/07/2013
21:45

O técnico Claudinei Oliveira saiu satisfeito da Vila Belmiro, na noite deste sábado. O Santos goleou a Portuguesa por 4 a 1, na Vila Belmiro, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. O treinador exaltou o "ímpeto" da equipe durante a partida e elogiou a atuação da Lusa.

- Concordo com o Edson Pimenta (técnico da Lusa), a Portuguesa não jogou mal. O Aranha fez boas defesas, teve bola na trave, mas esse ímpeto foi uma postura nossa, com pressão - afirmou o treinador, em entrevista coletiva após o jogo.

Claudinei Oliveira exalta ímpeto do Santos (Foto: Ivan Storti/ Santos FC)
 

- Tivemos chances, poderíamos ter feito mais gols, depois coloquei o Alison, jogador de mais pegada, ele apagou o incêndio, tomou conta ali, e tivemos chances. Antes de fazer o quarto gol, tivemos pelo menos umas dez chances. Acho que a Portuguesa jogou bem e valorizou nossa vitória - completou Claudinei.

Com a vitória, o Peixe encerrou um tabu de 13 anos sem vencer o rival no Brasileirão. Desde então, eram duas vitórias rubro-verdes e quatro empates. Além disso, o Santos ampliou a invencibilidade atuando na Vila Belmiro: já são oito vitórias e quatro empates nesta temporada.

Em noite de Neilton, Santos goleia a Lusa na Vila



O técnico Claudinei Oliveira saiu satisfeito da Vila Belmiro, na noite deste sábado. O Santos goleou a Portuguesa por 4 a 1, na Vila Belmiro, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. O treinador exaltou o "ímpeto" da equipe durante a partida e elogiou a atuação da Lusa.

- Concordo com o Edson Pimenta (técnico da Lusa), a Portuguesa não jogou mal. O Aranha fez boas defesas, teve bola na trave, mas esse ímpeto foi uma postura nossa, com pressão - afirmou o treinador, em entrevista coletiva após o jogo.

Claudinei Oliveira exalta ímpeto do Santos (Foto: Ivan Storti/ Santos FC)
 

- Tivemos chances, poderíamos ter feito mais gols, depois coloquei o Alison, jogador de mais pegada, ele apagou o incêndio, tomou conta ali, e tivemos chances. Antes de fazer o quarto gol, tivemos pelo menos umas dez chances. Acho que a Portuguesa jogou bem e valorizou nossa vitória - completou Claudinei.

Com a vitória, o Peixe encerrou um tabu de 13 anos sem vencer o rival no Brasileirão. Desde então, eram duas vitórias rubro-verdes e quatro empates. Além disso, o Santos ampliou a invencibilidade atuando na Vila Belmiro: já são oito vitórias e quatro empates nesta temporada.

Em noite de Neilton, Santos goleia a Lusa na Vila