icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
26/02/2015
14:30

O Circuito Banco do Brasil Nacional chega próximo à sua reta final com a penúltima etapa da temporada 2014/2015. De sexta-feira a domingo, mais de 120 atletas lutarão pelo lugar mais alto do pódio no Parque do Taquaral, em Campinas (SP), com entrada franca à torcida. Além da estreia de novas duplas, também estará em jogo uma das últimas chances para pontuar e conseguir a classificação ao Superpraia, campeonato que fecha o calendário.

Entre as novas formações, destaque para a reunião entre o medalhista olímpico Fábio Luiz (ES), prata em Pequim (2008), com o experiente Luizão (AM), Rei da Praia em 2006 e prata nos Jogos Pan-Americanos de 2003. O paulista Luccas Lima (SP) também estreia parceria com Carlos Luciano (RJ). No feminino as novas formações terão Luana/Aline (ES/BA), Danielle/Amanda (MS/RJ), Flávia/Bárbara Ferreira (RJ) e Sandressa/Mayana (AL/TO).

Além disso, está será uma oportunidade para somar pontos ao Superpraia A e Superpraia B, disputados de 27/4 a 3/5 em Maceió (AL). O campeonato distribui a maior premiação da temporada e encerra o calendário nacional. O Superpraia A reúne os seis primeiros colocados (no masculino e feminino) do ranking final do Open/Nacional, além de dois convites. Já o Superpraia B conta com as seis duplas na sequência da classificação geral e também dois convites.

Medalha de bronze na última etapa, em João Pessoa (PB), a dupla Rafaela/Carolina (PA/RJ) chega empolgada em busca do primeiro ouro e apostando no forte trabalho durante o feriado do Carnaval. O time entra como primeiro cabeça de chave pela primeira vez no torneio.

- A expectativa está a melhor possível, nos preparamos muito e treinamos durante todo Carnaval, sem folga. Começamos como último time no qualifying e agora entramos como primeira dupla direto na fase de grupos. Foi um trabalho iniciado no meio do ano, justamente para a temporada, e criamos muito rápido uma afinidade enorme. Estamos mantendo uma regularidade e queremos dar mais um passo, subir ao pódio e conseguir um ouro - disse Carolina.

O primeiro dia de competição (sexta-feira) é reservado para o qualifying, quando os 29 times inscritos no masculino e 17 no feminino brigam pelas últimas quatro vagas no torneio principal, em jogos eliminatórios simples. Os classificados se juntam aos oito times já garantidos pelo ranking e disputam a fase de grupos e das quartas de final no sábado. As semifinais, disputas do bronze e finais ocorrem no domingo.

Na primeira etapa, em Vitória (ES), Danielle/Aline (MS/BA) e Ícaro/Averaldo (PB/TO) ficaram com o título. No torneio seguinte, no Rio de Janeiro, Andréa Teixeira/Leize (SC) e Jô/Léo Vieira (PB/DF) foram os campeões. Já em Campinas (SP), na terceira etapa, outras duplas diferentes no lugar mais alto do pódio: Daniel Lazzari/Felipe Cavazin (SC/PR) e Fabíola/Thaís (DF/RJ).

Em São José (SC), na quarta etapa da temporada, o Nacional teve como campeões André/Marcus Borlini (ES) e Andréa Teixeira/Leize (SC). Em Brasília, títulos para Léo Gomes/Bernart (RJ) e Érica Freitas/Luiza Amélia (MG/CE). Novamente em Brasília, pela sexta etapa, Semírames/Bruna (ES/PB) e Luizão/Fernandão (AM/ES) foram os campeões. Já em João Pessoa (PB), títulos para Rachel/Michelle (RJ) e Marcus/Márcio Gaudie (RJ). A última etapa do Nacional será no Rio de Janeiro, de 20 a 22 de março.