icons.title signature.placeholder Eduardo Moura
icons.title signature.placeholder Eduardo Moura
02/07/2013
16:04

A mobilização que não aconteceu para receber Renato Gaúcho no aeroporto foi vista na Arena do Grêmio. Dobrada. Um público de 5 mil pessoas lotou o espaço da geral para ovacionar o novo treinador gremista. O comandante, acompanhado de todo o grupo tricolor, foi até próximo à torcida e a reverenciou.

Dois braços abertos, o tronco se curvando. Renato foi recepcionado como o maior ídolo da história do clube que é. Os cinco mil gremistas cantavam e pulavam como se o Tricolor estivesse disputando final de campeonato. Vibraram quando o ex-camisa 7 deu o primeiro passo dentro do campo do novo estádio. A entrada foi com o hino gremista bombando nas caixas de som da Arena. Quase mil pessoas ficam de fora do novo estádio, querendo ver o ídolo.

LEIA TAMBÉM
- Renato reencontra quatro de sua primeira passagem no Grêmio
- Renato recebe camisa 7 e promete volta da confiança e alegria ao Grêmio
- Grêmio usa carisma e figura de Renato Gaúcho para melhorar clima
- Zé Roberto compara Renato a Zico e Pelé e pede camisa 7 'imortalizada'

Com milhares de torcedores, Renato Gaúcho chega ao Grêmio

Já a torcida entoava gritos que tinham o ídolo como personagem principal. Versos como "Dale Renato, lá, lá-lá-lá-lá" ou "Lembra o Renato, o homem-gol". No campo, Renato reuniu o grupo de jogadores no centro do gramado, antes do treinamento. Trocou algumas palavras e levou o elenco até a frente da torcida. Depois, comandou o treino.

No aeroporto, pouco mais de 200 torcedores receberam Renato, de forma até tranquila. O treinador deixou o local de carro sem nenhum impeditivo e bagunça dos torcedores. Agora, Renato comanda o primeiro trabalho no campo da Arena, local que não conhecia até esta terça-feira. Em sua apresentação oficial, prometeu que vai devolver a alegria e a confiança ao time.

A mobilização que não aconteceu para receber Renato Gaúcho no aeroporto foi vista na Arena do Grêmio. Dobrada. Um público de 5 mil pessoas lotou o espaço da geral para ovacionar o novo treinador gremista. O comandante, acompanhado de todo o grupo tricolor, foi até próximo à torcida e a reverenciou.

Dois braços abertos, o tronco se curvando. Renato foi recepcionado como o maior ídolo da história do clube que é. Os cinco mil gremistas cantavam e pulavam como se o Tricolor estivesse disputando final de campeonato. Vibraram quando o ex-camisa 7 deu o primeiro passo dentro do campo do novo estádio. A entrada foi com o hino gremista bombando nas caixas de som da Arena. Quase mil pessoas ficam de fora do novo estádio, querendo ver o ídolo.

LEIA TAMBÉM
- Renato reencontra quatro de sua primeira passagem no Grêmio
- Renato recebe camisa 7 e promete volta da confiança e alegria ao Grêmio
- Grêmio usa carisma e figura de Renato Gaúcho para melhorar clima
- Zé Roberto compara Renato a Zico e Pelé e pede camisa 7 'imortalizada'

Com milhares de torcedores, Renato Gaúcho chega ao Grêmio

Já a torcida entoava gritos que tinham o ídolo como personagem principal. Versos como "Dale Renato, lá, lá-lá-lá-lá" ou "Lembra o Renato, o homem-gol". No campo, Renato reuniu o grupo de jogadores no centro do gramado, antes do treinamento. Trocou algumas palavras e levou o elenco até a frente da torcida. Depois, comandou o treino.

No aeroporto, pouco mais de 200 torcedores receberam Renato, de forma até tranquila. O treinador deixou o local de carro sem nenhum impeditivo e bagunça dos torcedores. Agora, Renato comanda o primeiro trabalho no campo da Arena, local que não conhecia até esta terça-feira. Em sua apresentação oficial, prometeu que vai devolver a alegria e a confiança ao time.