icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
06/12/2013
13:37

Em 2012 ele comandou a Chapecoense no acesso à Série B do Campeonato Brasileiro. Nesta temporada, o técnico Gilmar Dal Pozzo levou o Verdão do Oeste à elite da competição e terá a oportunidade de comandar o time na Série A de 2014. Neste sexta, foi divulgada a renovação de contrato do treinador com o time catarinense, vice-campeão da Segundona. E segundo o técnico, o pedido de uma das suas filhas influenciou na sua decisão de seguir no clube.

- A minha família queria muito ficar aqui. Após as reuniões de quinta-feira, onde ainda não havia acordo, minha filha mais nova chorou e pediu que eu acertasse para permanecer no clube. Qualquer pai que se preze também escuta o coração de quem ama e isso para mim pesa. Estou muito feliz com a renovação, a continuidade de um trabalho é importante - destacou o treinador, que já havia iniciado o planejamento para 2014:

- Posso dizer que estou irradiante mesmo. Eu já estava montando a pré-temporada e agora, com a confirmação, podemos planejar tudo da melhor forma para termos um excelente ano na Chapecoense

As negociações tiveram início na última quinta e o encontro que selou a permanência de Dal Pozzo contou, nesta manhã, além do treinador, com as presenças de João Carlos Maringá, vice de futebol da Chapecoense, Mauro Luis Stümpf, diretor de futebol do time catarinense, e Rogério Moraes Messias, o Titi, empresário do técnico.

- Sabemos que ele tem muito ainda para fazer na Chapecoense e a renovação ficou boa para ambos os lados. Agora é trabalhar e focar o Estadual, sem contar, claro, a tão sonhada e alcançada Série A - disse Titi.

Além de ter sido vice-campeã da Série B deste ano, a Chapecoense terminou o Campeonato Catarinense em segundo lugar, tendo o melhor desempenho entre os dez times. Apenas nesta temporada, a Chape teve 63,20% de aproveitamento.