icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
22/02/2015
14:18

Novo destino dos jogadores brasileiros, os clubes chineses não pouparam gastos para contratar neste início de 2015. No total, foram 12 brasileiros contratados pelos 16 times da Super Liga Chinesa, principal competição do país. Entre os contratados, estão alguns nomes de destaque do futebol brasileiro nos últimos anos, como Ricardo Goulart e Diego Tardelli.

Mas também existem os casos de jogadores brasileiros desconhecidos que chegaram nos clubes chineses. Por exemplo, Ricardo Santos que, após sete anos atuando no futebol da Suécia e Noruega, chega em 2015 para defender o Guizhou Renhe F.C.

Mas os alvos dos chineses no mercado nacional não são somente os brasileiros. Os gringos que arrebentam nos campos brasileiros também são cobiçados. Em 2015, foram três. Do Grêmio, saiu a dupla Barcos-Moreno. O atacante argentino defenderá o Tianjin Teda. Já o boliviano jogará pelo Changchun Yatai. Outro craque gringo a deixar o Brasil foi Conca. O meia, ídolo do Fluminense, acertou com o Shanghai East Asia.

Confira os jogadores brasileiros foram contratados por cada clube chinês em 2015.

Guangzhou Evergrande F.C.

Ricardo Goulart foi a grande contratação do Guangzhou Evergrande F.C. (Foto: Reprodução)

Atual tetracampeão da Super Liga Chinesa, o Guangzhou Evergrande F.C. contratou nada menos que Ricardo Goulart, destaque do Cruzeiro em 2013 e 2014. O meia-atacante chegou ao clube chinês por cerca de R$ 55 milhões. Outro brasileiro contratado pelo Guangzhou foi Alan. O atacante ex-Fluminense chega à China após cinco anos atuando pelo Red Bull Salzburg, da Suiça. No Guangzhou, Goulart e Alan terão a companhia de Elkeson e Renê Júnior.

Shandong Luneng

Tardelli comemora título no Shanfong ao lado de Júnior Urso, Aloísio e Montillo (Foto: Reprodução)

Ao lado de Ricardo Goulart, a grande contratação do futebol chinês, entre os brasileiros, foi a de Diego Tardelli. O atacante, ex-Atlético-MG, acertou com o Shandong Luneng, e pelo quantidade de brasileiros no clube, ele se sentirá em casa. A equipe, comandada pelo técnico Cuca, ainda conta com o volante Júnior Urso e o atacante Aloísio, além de Montillo, argentino que brilhou com a camisa de Cruzeiro e Santos.

Shanghai Shenxin

Dois jogadores brasileiros chegaram ao Shanghai Shenxin. O atacante Zé Love, que se destacou no Santos, chega ao clube após rescindir com o Genoa, da Itália. Em 2014, Zé Love teve passagem apagada pelo Coritiba. O outro contratado pelo Shenxin é o meia Everton, que surgiu para o futebol no Barueri e defendeu o Heracles, da Holanda, e o Al Nasr, da Arábia Saúdita nas últimas temporadas.

Guizhou Renhe F.C.

Ricardo Santos, revelado no Boavista em 2007, o centroavante passou sete anos no futebol da Suécia e Noruega e chega em 2015 para defender o Guizhou Renhe F.C., time do atacante Hyuri, ex-Botafogo.

Tianjin Teda

Zagueiro Lucas Fonseca defendeu o Bahia por três temporadas (Foto: Arisson Marinho/Correio)

Depois de rescindir com o Bahia no fim de 2014, o zagueiro Lucas Fonseca acertou sua transferência para o Tianjin Teda. Com 29 anos, ele será companheiro do meia Andrezinho, que se destacou no Brasil nas passagens por Internacional, Flamengo e Botafogo, além do atacante argentino Hernán Barcos, ex-Palmeiras e Grêmio.

Shanghai Greenland

Revelado pelo Atlético-MG em 2007, o atacante Paulo Henrique defenderá o Shanghai Greenland em 2015. O jogador de 25 anos já defendeu também o Palmeiras, em 2010. Seu último clube foi o Trabzonspor, da Turquia.

Hangzhou Greentown

Emprestado em 2014 pelo Cruzeiro ao Hangzhou Greentown, o atacante Anselmo Ramon foi contratado pelo clube chinês em 2015. Na temporada passada, o atacante brasileiro marcou 16 gols. Outros três brasileiros jogam lá: Mazola, Renatinho e Fabrício.

Henan Jianye

Não é só o mercado brasileiro que é alvo de contratações da China. O meia Ivo, que já passou por Juventude, Criciúma, Ponte Preta e Portuguesa, atuou em 2014 pelo Incheon United, da Coréia do Sul, e foi contratado pelo Henan Jianye para a temporada de 2015.

Chongqing Lifan

Do Metalist Kharkiv, da Ucrânia, Jajá acertou com o Chongqing Lifan (Foto: Divulgação Metalist)

O atacante Jajá foi o reforço do Chongqing Lifan. O brasileiro, que já rodou o mundo e defendeu o Westerlo e o Racing Genk, da Bélgica, o Al Ahli, do Emirados Árabes, e o Metalist Kharkiv, da Ucrânia, além de Flamengo, Coritiba e Internacional, chega ao clube chinês em 2015.

Shijiazhuang Yongchang

O zagueiro Rodrigo Defendi se juntou ao Shijiazhuang Yongchang. Com passagens por Botafogo e Vitória, o zagueiro voltou ao Vitória de Guimarães em 2014, clube que já havia defendido em 2011, e agora se junta aos brasileiros da China.