icons.title signature.placeholder Bruno Quaresma
15/11/2013
13:23

Adversário do Brasil na próxima terça-feira, o Chile pretende se preparar para a Copa do Mundo de 2014 enfrentando grandes potências do futebol mundial. Nesta sexta-feira, em Londres, os chilenos duelam com a Inglaterra. Jorge Sampaoli, técnico da seleção, acredita quer saber qual o patamar que seu time se encontra para o Mundial:

- O objetivo antes do Mundial é jogar com equipes eficientes, agora com Inglaterra e Brasil e, em março, contra a Alemanha. A ideia é jogar contra equipes muito poderosas, que são candidatas ao título da Copa do Mundo. Isso também é bom para nós fazermos uma relação de que lugar nós estamos para o Mundial.

- Há a possibilidade de testar alguns jogadores que não tenho a oportunidade de ver o rendimento em suas partidas, e aproveitar as próximas partidas também para ver o funcionamento coletivo. Já jogamos contra o Brasil em Belo Horizonte e sabemos que para enfrentarmos novamente a Seleção, que atualmente vive um outro momento, precisamos estar com o nível de funcionamento coletivo alto - completou.

O confronto com a Seleção Brasileira acontece em Toronto, no Canadá. Longe de um ambiente parecido do que seria um jogo contra o Brasil, durante a Copa no Brasil, o treinador da equipe chilena também entende que as circunstâncias da partida são bem diferentes de um jogo de Copa.

No entanto, ele sabe que um bom resultado pode ser determinante para a confiança de seus jogadores para a sequência de preparação:

- Acredito são jogos diferentes. Posso fazer mais alterações, mais testes. Mas, claro, o estímulo de jogar contra o Brasil, para nós, é muito especial por ser um rival e por ser uma potência mundial.