icons.title signature.placeholder Matheus Babo
05/03/2014
21:25

O Fluminense precisou jogar bem durante 12 minutos para garantir a tranquilidade na goleada por 5 a 1 sobre o Friburguense, nesta quarta-feira, no Maracanã. Com gols de Walter, que iniciou pela primeira vez um jogo como titular, Conca, Bruno, Wágner e Marcos Júnior, o Tricolor chegou aos 26 pontos na tabela de classificação e praticamente assegurou a classificação para às semifinais do Campeonato Carioca. Basta um empate contra o Duque de Caxias, no domingo. Já o Frizão continua com 15 pontos, no meio da tabela.

TRÊS GOLS EM DOZE MINUTOS

O primeiro tempo do Fluminense diante do Friburguense foi avassalador. O time de Renato Gaúcho, mantido na formação 4-3-3, foi para cima da equipe da região serrana e conseguiu o gol logo aos 12 minutos, com Walter, após jogada confusa na área. O atacante ganhou uma chance entre os titulares do Tricolor com a convocação de Fred para Seleção Brasileira. Oito minutos depois, Ailton - mantido pelo treinador - fez ótima jogada e achou Sobis, que tocou para Walter. O camisa 18 acertou a trave e na volta, Conca ampliou.

Mas o melhor ainda estava por vir. Bruno recebeu no meio de campo e, com espaço, partiu em velocidade. Próximo a área do Friburguense, foi cercado por três marcados, deu uma caneta em um e saiu na cara de Afonso, aí foi só tocar no canto direito do goleiro para fazer o 3 a 0. Golaço. Depois, o Flu diminuiu o ritmo e o Frizão gostou do jogo e assustou duas vezes com Rômulo. Aos 39, ele acertou a trave de Cavalieri e pouco depois, aos 45, fez um golaço, dimunindo a vantagem tricolor.

E MAIS:
> Marcos Júnior faz gol à la Romário e deixa recado: 'Sou fã dele'
> Com mais um gol, Wágner brinca: 'Não estou aguentando o banco'


WÁGNER E MARCOS JÚNIOR FECHAM O PLACAR

Depois de relaxar nos minutos finais do primeiro tempo, o Fluminense voltou em alta velocidade para a segunda etapa e acertou a trave duas vezes em cinco minutos. Primeiro com Marcos Júnior e depois com o argentino Conca. Nesse meio tempo, os atacantes Biro Biro e Walter tiveram boas oportunidades, mas pararam no goleiro Afonso. Neste início, o Friburguense quase diminuiu com Cadão, que subiu mais que a zaga após cobrança de escanteio e só não marcou porque Conca salvou em cima da linha.


             Walter abriu o caminho da vitória no Maracanã (Foto: Cleber Mendes/ LANCE!Press)

Depois do início movimentado, o ritmo caiu um pouco, mas boas chances ainda foram criadas pelos dois times. Renato Gaúcho mexeu no time e entrou com Wágner e Michael, além de Marcos Júnior, ainda no intervalo. Com fôlego novo no ataque, o Tricolor ainda marcou com o camisa 10 após um belo chute de fora da área, contando com o desvio no zagueiro Bruno. Já aos 43, Marcos Júnior dominou na área, cortou para perna esquerda e fechou o placar.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 5 X 1 FRIBURGUENSE

Local: Maracanã, em Rio de Janeiro (RJ);
Data-Hora: 5/3/2014 - 19h30 (de Brasília);
Árbitro: Philip Georg Bennett (RJ);
Auxiliares: Luiz Antônio de Oliveira (RJ) e João Luiz de Albuquerque (RJ);
Público e renda: 7.003 pagantes  / 8.496 presentes / R$ 155.505,00;
Cartão Amarelo: Tojo (FRI) ; Gum (FLU)
Gols: Walter, 12'/1ºT (1-0); Conca, 20'/1ºT (2-0); Bruno, 24'/1ºT (3-0); Rômulo, 45'/1ºT (3-1); Wágner, 37'/2ºT (4-1); Marcos Júnior, 43'/2ºT (5-1)

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Bruno, Gum, Elivélton e Aílton; Diguinho, Jean e Conca; Biro Biro (Wágner, 20'/2ºT), Rafael Sobis (Marcos Júnior, Intervalo) e Walter (Michael, 25'/2ºT) - Técnico: Renato Gaúcho.

FRIBURGUENSE: Afonso, Sergio Gomes, Cadão, Bruno e Flavinho; Bidú, Lucas, Marcelo e Jorge Luiz (Abedi, 24'/2ºT); Ziquinha (Tojo, 20'/2ºT) e Rômulo - Técnico: Gerson Andreotti.