icons.title signature.placeholder Eduardo Mendes, Maurício Oliveira e Thiago Salata
08/06/2014
16:26


A Copa do Mundo se aproxima e o número de torcedores acompanhando a Seleção Brasileira cresce na Granja Comary, em Teresópolis. Na chegada do ônibus da delegação à sede, no início da tarde, eram cerca de 350 torcedores na porta de entrada. Ao lado do campo 2, onde os jogadores treinam na tarde deste domingo, são mais 500 torcedores na Rua do Campo, no condomínio ao lado.

Antes do início da preparação, a CBF quis colocar placas de ferro para impedir a concentração de torcedores e o barulho ao lado do campo, mas foi convencida a manter aberta a paisagem. O campo e o condomínio são separados apenas por uma grade de pouco mais de 1,5 metro. Por ter recebido o terreno de uma doação de Carlos Guinle, de tradicional família do Rio, a entidade não pode erguer muros dentro da Granja.

Curiosamente, segundo o Blog do Janca, o técnico Luiz Felipe Scolari decidiu vetar a presença de patrocinadores e parceiros da CBF nos treinos e na concentração a partir deste domingo.

Na primeira semana de preparação, foi constante a presença de convidados ou de parentes dos jogadores e da comissão técnica. Quatro viaturas da PM do Rio de Janeiro, duas do Batalhão de Choque e soldados do exército estão na Rua do Campo.

É a vez do Thiago Silva! Capitão do tri revela curiosidade sobre a taça