icons.title signature.placeholder Bruno Grossi
17/11/2014
16:51

Apesar do mistério que nos últimos dias passou a rondar a aposentadoria de Rogério Ceni, que segue programada para dezembro deste ano, a diretoria e o departamento de marketing do São Paulo continuam se planejando com a referência de que o adeus do Mito acontecerá realmente em 2014.

A Penalty, fornecedora de material esportivo do clube, vem desenvolvendo desde setembro o último uniforme da carreira do goleiro-artilheiro e tinha como planos lançar a camisa nesta terça-feira. Com as mudanças de datas dos jogos da semifinal da Copa Sul-Americana, o lançamento deve ocorrer somente na sexta-feira.

Caso o evento seja confirmado, mais um indício forte de que Ceni não mudará de ideia sobre a aposentadoria surgirá para combater as dúvidas levantadas pelas declarações de Muricy Ramalho. O marketing do clube seguirá trabalhando para a despedida em 2014 sem dar margem às especulações. A única forma do planejamento ser alterado é com a palavra do Mito.

Nesta segunda-feira, Rogério estava liberado pela comissão técnica para se apresentar no CT da Barra Funda somente no fim da noite, quando a delegação partirá para a Colômbia para o duelo com o Atlético Nacional, mas apareceu pela manhã para treinar com os atletas que não jogaram ou pouco participaram da vitória por 2 a 0 sobre o Palmeiras.

A empolgação e a condição física de Ceni têm impressionado membros da comissão técnica e da diretoria, mas diretoria e marketing tentam manter os pés no chão. Enquanto o goleiro-artilheiro não assegurar que prefere continuar em atividade em 2015, a camisa da despedida será lançada e o jogo do adeus organizado, em 22 de fevereiro do ano que vem.