icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
07/11/2013
00:22

Rogério Ceni não saiu de campo satisfeito com a atuação do São Paulo na Colômbia no empate por 0 a 0 com o Atlético Nacional, nesta quarta-feira. Mas ficou muito contente com a classificação para a semifinal da Copa Sul-Americana. O goleiro lamentou os diversos passes errados do time e comemorou a superação para avançar de fase no torneio.

- Esperávamos um jogo equilibrado, mas não conseguimos colocar a bola no chão. Erramos muitos passes, com isso demos muito a bola para o adversário. Não foi o São Paulo de outros jogos, mas é um São Paulo na semifinal - disse Ceni.

- O time teve espírito de luta, foi o time de guerreiros que o torcedor tanto proclama no estádio. Não apresentamos o melhor futebol do Brasil, mas a dedicação é grande. A gente vem de viagem, viagem, viagem, são 12 horas, hotel, e o elenco não é tão grande. Agradecer a boa vontade e dedicação dos companheiros que vieram até aqui - completou.

O Tricolor se classificou porque venceu a primeira partida por 3 a 2, no Morumbi. Três podem ser os adversários da semifinal: Libertad (PAR), Itaguí (COL) ou Ponte Preta.

O chaveamento encaminha confronto com paraguaios ou colombianos. Na primeira partida, vitória do Libertad por 2 a 0. O segundo jogo acontece nesta quinta-feira, na Colômbia. No entanto, se a Ponte Preta se classificar contra o Vélez Sarsfield (ARG), os duelos serão invertidos para não haver risco de dois clubes do mesmo país se enfrentarem na final.

Na semana passada, em Campinas, o jogo terminou 0 a 0. Também nesta quinta-feira, na Argentina, as duas equipes decidem a vaga.