icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
28/07/2013
18:28

Após o empate com o Corinthians neste domingo, no Pacaembu, o goleiro Rogério Ceni falou sobre a situação delicada vivida pelo São Paulo atualmente. Questionado sobre a fragilidade do elenco são-paulino e se o time precisa de reforços, Rogério tentou se esquivar, mas deixou claro que espera contratações.

- Cada coisa que eu falo ganha repercussão, como se eu decidisse, mas sou funcionário como os outros. Acho que faltam peças, mas a diretoria deve estar se movimentando - afirmou o capitão tricolor.

O São Paulo chegou ao 12º jogo consecutivo sem vitórias. sendo que vinha de oito derrotas em série até o empate no Majestoso. A equipe agora viaja para a Alemanha, onde disputará a Copa Audi, e com uma certeza: voltará ainda pior na zona do rebaixamento do Brasileirão, já que os outros clubes seguirão atuando, situação atestada por Rogério Ceni.

- Com certeza vai voltar pior, com certeza voltaremos na zona do rebaixamento, já era previsível. Há confrontos diretos na parte de baixo, já era previsível. O que nós temos que fazer é parar, pensar e se programar para as 28 rodadas que faltam, para não ficarmos na situação que nos encontramos - analisou o goleiro tricolor.

Com o empate no clássico, o São Paulo chegou a nove pontos em 11 jogos, dois a mais do que a maioria dos times. A equipe ficou na 18ª colocação, com dois pontos à frente de Náutico e Portuguesa, os dois últimos colocados, com sete pontos. A equipe só volta a campo pelo Nacional no dia 10 de agosto, justamente a lanterna Portuguesa, no Canindé. Ou seja, o clube pode retornar na última colocação.

Corinthians e São Paulo fazem jogo equilibrado e não saem do zero

Após o empate com o Corinthians neste domingo, no Pacaembu, o goleiro Rogério Ceni falou sobre a situação delicada vivida pelo São Paulo atualmente. Questionado sobre a fragilidade do elenco são-paulino e se o time precisa de reforços, Rogério tentou se esquivar, mas deixou claro que espera contratações.

- Cada coisa que eu falo ganha repercussão, como se eu decidisse, mas sou funcionário como os outros. Acho que faltam peças, mas a diretoria deve estar se movimentando - afirmou o capitão tricolor.

O São Paulo chegou ao 12º jogo consecutivo sem vitórias. sendo que vinha de oito derrotas em série até o empate no Majestoso. A equipe agora viaja para a Alemanha, onde disputará a Copa Audi, e com uma certeza: voltará ainda pior na zona do rebaixamento do Brasileirão, já que os outros clubes seguirão atuando, situação atestada por Rogério Ceni.

- Com certeza vai voltar pior, com certeza voltaremos na zona do rebaixamento, já era previsível. Há confrontos diretos na parte de baixo, já era previsível. O que nós temos que fazer é parar, pensar e se programar para as 28 rodadas que faltam, para não ficarmos na situação que nos encontramos - analisou o goleiro tricolor.

Com o empate no clássico, o São Paulo chegou a nove pontos em 11 jogos, dois a mais do que a maioria dos times. A equipe ficou na 18ª colocação, com dois pontos à frente de Náutico e Portuguesa, os dois últimos colocados, com sete pontos. A equipe só volta a campo pelo Nacional no dia 10 de agosto, justamente a lanterna Portuguesa, no Canindé. Ou seja, o clube pode retornar na última colocação.

Corinthians e São Paulo fazem jogo equilibrado e não saem do zero