icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
02/07/2014
18:31

A venda da Caterhan para um consórcio suíço e investidores do Oriente Médio foi oficializada nesta quarta-feira. A equipe ficará sob a consultoria de Colin Kolles, ex-chefe de Hispania, Midland, Spyker e Force India, e será comandada pelo ex-piloto de Fórmula 1, Christijan Albers.

A princípio, a equipe não mudará de nome, e seus novos donos já assumem o controle a partir deste fim de semana, na disputa do GP de Silverstone (ING). Em maio, o antigo dono, Tony Fernandes, havia dito que a Caterhan não estava à venda.

"Caterham F-1 tem o prazer de confirmar que Tony Fernandes e seus parceiros venderam o time para um consórcio formado por investidores da Suíça e do Oriente Médio, sob a consultoria de Collin Kolles. De acordo com os termos da venda, o time continuará a se chamar Caterham F1 Team, e sua base permanecerá em Leafield. Os novos donos assumem o comando da escuderida de forma imediata. O ex-piloto de Fórmula 1, o holandês Christijan Albers, auxiliado por Manfredi Ravetto, assumirá o comando com o passar dos dias, reportando-se diretamente ao conselho e substituindo Cyril Abiteboul, que sairá do time para procurar novos desafios", disse o comunicado.