icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
07/07/2014
11:00

Capitão da Alemanha, na conquista do tri em 1990 e recordista em números de partidas na Copa do Mundo, o ex-zagueiro Lothar Matthaüs falou para o site da Fifa sobre a atual seleção, que chegou a quarta vez consecutiva a uma semifinal e disputa uma vaga na decisão, contra o Brasil, na próxima terça-feira, no Mineirão, às 17h.

- Não é o mesmo futebol bonito que a Alemanha mostrou nos dois últimos Mundiais, mas Joachim Löw também aprendeu algo com isso: não se ganha título jogando bonito. E o objetivo da seleção alemã é vencer a Copa do Mundo no Brasil- falou.

Sobre o jogo com a Seleção Brasileira, o ex-jogador descartou o favoritismo germânico e disse acreditar em uma partida muito disputada.

- Sabemos que será um jogo difícil e com certeza não somos os favoritos. Mas vamos vencer por 2 a 1, e quando digo "nós" é claro que me refiro à Alemanha - disse Matthaüs.

Ainda mais confiante, Matthaüs explicou por que acredita no tetracampeonato dos alemães.

- Não temos a obrigação de ser campeões, mas podemos. A equipe já chegou muito longe e agora tudo depende de nuances - finalizou.